2017 vira inspiração para o Vasco vencer o Cruzeiro

03/04/2018 às 10h47 - FUTEBOL

Com o intuito de iniciar uma volta por cima na fase de grupos da Conmebol Libertadores 2018, o Vasco da Gama desembarcou na tarde desta terça-feira (03/04) em Belo Horizonte, onde irá encarar o Cruzeiro na quarta (04), às 21h45. Se o bons fluídos da última temporada permanecerem, o Gigante da Colina tem tudo para retornar para o Rio de Janeiro na próxima quinta (05) com um resultado positivo na bagagem.

No ano passado, pelo Campeonato Brasileiro, o Cruzmaltino visitou a capital de Minas Gerais em duas oportunidades. Na ocasião, mesmo não sendo apontado como favorito, o Almirante fez bonito e conquistou pontos que foram fundamentais na conquista da vaga para a atual edição da mais importante competição do continente. O Atlético Mineiro foi o rival no primeiro turno, enquanto o Cruzeiro no segundo.

Atlético (MG) 1 x 2 Vasco da Gama: o primeiro brilho de uma joia cruzmaltina

Em 23 de julho de 2017, o Vasco da Gama mediu forças com o Atlético Mineiro na Arena Independência. Passando por um momento de instabilidade e desfalcado de algumas das referências do elenco, o Cruzmaltino apostou num trio de ofensivo composto por três garotos oriundos das categorias de base: Mateus Vital, Paulinho e Paulo Vitor. O favoritismo era todo do Galo, que iniciou o duelo com Robinho e Fred no comando de ataque.

Dentro de campo, porém, o que se viu foi um grande exibição vascaína. Comprometido com a proposta de jogo traçada pela comissão técnica, o Gigante da Colina entrou em campo ligado e não demorou muito para abrir o placar. Logo aos 13 minutos, Paulinho, que havia acabado de completar 17 anos, recebeu de Escudero e tocou na saída de Giovanni, tornando-se assim o primeiro jogador nascido nos anos 2000 a balançar as redes no Brasileirão.

O Atlético Mineiro reagiu e alcançou o empate cinco minutos depois, em belo arremate de Yago. O tento anotado pelo rival, entretanto, não abalou o Vasco da Gama. O Almirante seguiu trocando passes no campo ofensivo e levando perigo, especialmente com o trio de garotos. Na etapa final, o Galo se fez mais presente no ataque, mas foi o Cruzmaltino, através de um rápido contra-ataque, que balançou as redes.

Quando o cronômetro marcava 22 minutos da etapa inicial, Guilherme Costa arrancou pela direita e deu um passe açucarado para Paulinho. Apesar de estar sendo vigiado de perto por inúmeros defensores, o garoto esbanjou categoria ao superar a marcação e acertar um chute na gaveta, decretanto assim o triunfo por 2 a 1. A partida contra o Galo foi a primeira de Paulinho como titular do profissional. Os gols, não custa lembrar, o fizeram também se tornar o mais jovem atleta a marcar pelo Vasco no Século 21, superando Phillipe Coutinho.

Cruzeiro 0 x 2 Vasco da Gama: a vitória da entrega, do comprometimento e do coração

Quatro meses depois, no dia 26 de novembro de 2017, foi a vez do Cruzeiro cruzar o caminho do Gigante da Colina. Válida pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, a partida era considerada de vida ou morte para o Cruzmaltino na briga por uma vaga para a Conmebol Libertadores 2018. Apenas uma vitória faria o Vasco da Gama entrar no último jogo da competição com chances de selar o retorno ao torneio continental.


As palavras concentração e entrega foram a mais ditas pelos jogadores nos dias que antecederam a partida. Quando a bola rolou, o que se viu no gramado do Mineirão foi uma entrega gigantesca de toda a equipe vascaína. O adversário, por atuar dentro de seus domínios, partiu para cima, mas não conseguiu vencer o bem postado sistema defensivo do Almirante, liderado pelo capitão e ídolo Martín Silva.

Aos 20 minutos da etapa inicial, quando muitos acreditavam que era questão de tempo para a Raposa inaugurar o placar, Paulão aproveitou cobrança de escanteio de Nenê e colocou o Gigante da Colina na frente. Em vantagem no marcador, o Vasco se fechou ainda mais e, com um jogo coletivo incrível, levou o placar favorável para o intervalo. No segundo tempo, após um início sem muitas emoções, a partida se tornou emocionante.

Empurrado pela torcida, o Cruzeiro foi com tudo para o ataque e criou inúmeras oportunidades. Foi aí que apareceu um dos principais destaques do Cruzmaltino no Campeonato Brasileiro: Martín Silva! O goleiro fez pelo menos três grandes intervenções e garantiu a vitória por 1 a 0. O resultado fez a equipe vascaína entrar no almejado G7 e jogar na última rodada dependendo de suas próprias forças para carimbar a vaga para a Libertadores.

Fonte: Site oficial do Vasco