Advogado da Sempre Vasco comenta situação do HD

30/01/2018 às 15h17 - POLÍTICA

Advogados do Vasco foram ao Instituto Carlos Eboli e verificaram que o HD não estava lá e sim na Delegacia de Defraudações. Protocolaram nova petição informando isso ao desembargador Jaime Dias Pinheiro #lanceVAS

E o desembargador Jaime Dias Pinheiro acabou de dar nova decisão liminar, mudando o local da diligência para apreensão do HD para a Delegacia de Defraudações. O disco do Vasco está desde ontem lá no inquérito da delegada Patrícia de Paiva Aguiar #lanceVAS

Reportagem @lancenet conversou com Renato Brito Neto, da chapa Sempre Vasco, um dos autores da ação do HD. Acompanhe o que ele falou nos tweets a seguir #lanceVAS

Renato: "Esta ação do HD iniciou no início do ano passado. Com vistas de uma visão geral do cadastro de sócios do Vasco, considerando algumas informações de irregularidades. Na época foi ação coordenada com todas as oposições" #lanceVAS

Renato: "E no fim do ano passado, essa é uma informação importante, teve uma reunião dos jurídicos das oposições e eu dei minha palavra que independentemente do resultado das eleições essa ação do HD iria continuar" #lanceVAS

Renato: "Ou seja. Se ganhássemos as eleições, como de fato ganhamos, a ação do HD iria continuar porque na verdade o principal objetivo dela é exatamente ter uma fotografia do cadastro do Vasco" #lanceVAS

Renato: "Espanta um pouco a mudança repentina de posição do próprio Alexandre Campello que estava conosco nesta luta até pouco tempo atrás e subitamente mudou de opinião quanto ao HD" #lanceVAS

Renato: "Hoje a possibilidade é remota. Falando em tese, se lá na frente for comprovado que teve uma fraude grave no cadastro geral dos sócios poderia acarretar uma nova ação por alguém. Mas o objetivo principal sempre foi a transparência", sobre chance de nova eleição #lanceVAS

Fonte: Twitter do jornalista David Nascimento/Lance