Andrezinho celebra apoio da torcida vascaína em todo o Brasil

Em 01/10/2016 08:41
 
AndrezinhoAndrezinho
Foto: Kaio Machado

Líder isolado da Série B do Brasileiro e próximo do acesso à elite do futebol nacional, o Vasco deixa São Januário para disputar as três próximas partidas longe de casa. Após duas rodadas como mandante — vitórias sobre Joinville e Atlético-GO, o Cruz-maltino tem o primeiro desafio neste sábado, às 16h30, contra o Náutico, na Arena Pernambuco. 

Do Nordeste, o grupo volta para o Rio de Janeiro e, na sequência, viaja até Belém, onde enfrenta o Paysandu, no Mangueirão, na terça-feira. Por causa da proximidade, os cariocas decidiram mandar a partida contra o Londrina, no próximo sábado, na Arena da Amazônia, em Manaus. 

— Tínhamos uma programação de que ficaríamos nove dias direto. O presidente tomou essa a decisão para voltar. Essa viagem não é tão desgastante assim, mas depois sim. Jogaremos em Belém e Manaus. Mas será ótimo para estarmos juntos — avaliou o técnico Jorginho, que emendou. 

— São jogos importantes e que vão definir a nossa situação em relação ao quinto colocado — salientou. 

No triunfo sobre os goianos, a torcida compareceu em bom número a São Januário. Porém, para o meia Andrezinho, a força do clube é vista em todos os lugares. 

— São Januário é nossa casa, mas realmente onde jogamos o torcedor do Vasco tem comparecido e nos apoiado — avaliou o meia. 

Apesar da vantagem na competição ser ótima — 97% de conseguir o acesso, segundo o matemático Tristão Garcia —, Jorginho manteve a cautela. Para isso, ele pediu ao elenco para seguir motivado, principalmente na reta final da temporada. 

— Não podemos nos sentir na zona de conforto. Os jogadores são desafiados o tempo todo. Os jogos têm me mostrado isso, não temos tido vida fácil. Não ganhamos nenhuma partida tranquila, isso vale até a vitória por 4 a 1 na primeira rodada da Série B (contra o Sampaio Correa). O nosso grupos precisa ficar concentrado o tempo todo — avisou o treinador.