Após grande vitória pela Libertadores, Vasco desembarca no Rio

02/02/2018 às 08h25 - FUTEBOL

Um dia após a grande goleada aplicada no Universidad de Concepción, pela 2ª fase da pré-Libertadores, o Vasco desembarcou na noite desta quinta-feira (01) no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Com o 4 a 0, o Cruz-Maltino praticamente carimba sua passagem para a próxima fase. Nome do jogo depois de ter marcado duas vezes, além de ter alcançado a marca de ser o jogador mais jovem a balançar a ​rede pelo Cruz-Maltino em uma Libertadores, Evander, de 19 anos, comentou sobre o resultado alcançado no Chile. 

"Acho que não fui herói. O herói foi todo o grupo pela partida que fez, estreia, fazer um resultado elástico assim. Foi bastante difícil trazer esse jogo de volta com certa tranquilidade, mas foi um dia cansativo de viagem, agora é descansar porque tem um compromisso importante no final de semana. Quando eu fiz os dois gols fiquei com sentimento de alegria. Jogando a Libertadores, realizando um sonho de menino, depois que eu soube desse fato do Dinamite (Roberto era o jogador mais jovem a marcar em uma Libertadores pelo Vasco, quando tinha 20 anos), fico muito feliz, mas ainda tenho muita coisa para conquistar". 

Outro garoto que se destacou no duelo diante do Universidad de Concepción foi o menino Paulinho. Aos 18 anos, o jogador mostrou tranquilidade em campo e, na chegada ao Rio de Janeiro, deixou claro que não há nada decidido ainda, além de ter frisado que o jogo do próximo domingo (04), contra o Volta Redonda, é de suma importância. 

"Acho que essa palavra (classificado) pode até prejudicar a gente se a gente colocar isso na cabeça. O time foi muito bem na estreia, a gente vem trabalhando muito desde a pré-temporada para fazer um bom começo. A gente vai voltar no segundo jogo com ainda mais vontade para poder colher bons frutos lá na frente. Vamos conversar isso (sobre o time que joga contra o Volta Redonda) mais amanhã. Mas independentemente do time que jogar, a gente tem que ganhar. Vasco tem sempre que ganhar". 

Além de Paulinho e Evander, o técnico Zé Ricardo, o zagueiro Erazo, o meia Wagner e o goleiro Martín Silva, que completou 200 jogos pelo Vasco no duelo da última quarta-feira (31), também falaram na chegada ao Rio de Janeiro. Confira: 

MARTÍN SILVA 

"Alegria pelo resultado, jogo importante para a gente, claro que depois ficamos tranquilos para comemorar essa marca de 200 jogos. O resultado estava por cima da comemoração, mas foi um dia tranquilo. Quem joga futebol sabe como é. A série tem que ser fechada. Claro que temos uma vantagem importante jogando em casa, mas vamos respeitar o rival e nos concentrar no próximo jogo. 

Clima no Vasco 
​​"A situação de hoje é que entrou gente nova para comandar o clube e estamos colocando confiança. Estão tentando fazer o melhor possível, mas é muito cedo para falar. Estamos focados no âmbito esportivo que é o que depende da gente". 

ZÉ RICARDO 

"A gente tem que trabalhar bastante. Foi um resultado considerável para uma disputa de mata-mata, mas temos que ter o pé no chão. A gente fica feliz por eles (os jovens). Eles têm uma identidade muito grande com o clube, têm amadurecido com tudo o que vem acontecendo, e eles vêm mostrando o porque merecem a oportunidade de estar jogando". 

WAGNER 

"Muito bom. Gratificante porque a gente se sacrificou e se superou bastante para que isso pudesse acontecer. Chegamos aqui hoje satisfeitos e com a classificação para a próxima fase encaminhada. É tranquilidade. Temos que ser cirúrgicos, chegamos na frente e fizemos. Eles erraram. Libertadores é isso: quem errar menos, vai sair vitorioso". 

ERAZO

"Foi muito importante ter ganhado, sabemos que uma competição como a Libertadores é muito difícil, ainda mais jogando fora. Mas sabemos da responsabilidade da vitória que conseguimos e vamos tentar carimbar essa classificação na próxima quarta-feira. Para nós, primeiramente, é passar do time do Concepción. Temos um bom resultado, mas não está fechado. Queremos pensar no próximo rival depois. São dois times bolivianos, obviamente são difíceis, não sabemos qual vai ser, mas nossa ideia é pensar quarta-feira para depois pensar no próximo rival". 

Link da matéria: http://www.esporteinterativo.com.br/posts/20052-apos-grande-vitoria-pela-libertadores-vasco-desembarca-no-rio-o-heroi-foi-todo-o-grupo

Fonte: Esporte Interativo