Basquete: Após título, Vasco volta as atenções ao Carioca contra o Macaé

Em 30/09/2016 09:48
 
Damián PalaciosDamián Palacios
Foto: Allan Conti/LNB

"Só concordei com o retorno do time adulto de basquete com uma verba que estipulamos desde não fosse apenas para participar". Foram essas as palavras de Eurico Miranda em entrevista que foi ao ar na manhã desta quinta-feira (confira aqui). E foi assim que o Vasco começou a sua temporada no basquete nacional, não como um mero coadjuvante, mas vencendo o maior rival e conquistando o torneio Super Four, em Fortaleza. Passada a comemoração pelo triunfo, o time volta suas atenções para o Campeonato Carioca, em duelo contra o Macaé, nesta sexta-feira, às 19h30, em São Januário. O experiente Márcio Dornelles (ex-Macaé), de 40 anos, comentou o reencontro com o ex-time.

- O Macaé, pelo menos nos três anos que eu estive lá, sempre foi um time que investia na velocidade. Tenho certeza que eles irão explorar isto, sabendo que nós viemos agora de uma viagem desgastante. Então, eles tentaram usar este fator. Outro ponto forte dele é não ter esta cobrança toda. Isto pode ser um diferencial deles nesta partida contra a gente. Eu vou conversar com o Christiano e tentarei ajudar ao máximo. Estou feliz por poder enfrentá-los, é um clube que conseguiu se reestruturar e fez uma equipe competitiva - disse Márcio.

Se Márcio tem informações importantes sobre o adversário, o mesmo acontece do lado adversário, já que o pivô Érick Camilo fez parte do time vitorioso da última temporada, mas está no Macaé desde o começo da competição estadual. Mas Palácios, uma das armas do técnico Christiano Pereira, conhece bem o ex-companheiro. O argentino falou sobre Erick e também comentou a conquista do Super Four.

- É sempre bom ganhar, indica que estamos no caminho certo. Sabemos que foi um torneio preparatório, precisamos continuar nos conhecendo ainda mais. Temos muitas coisas para melhorar, mas, como eu digo, vitória torna o trabalho muito melhor. O Macaé é uma equipe jovem, muito intensa, que precisa vencer sua primeira partida no torneio e vai entrar pensando nisto. Erick é um grande amigo e um excelente jogador, devemos cuidar dele. Vai ser um jogo difícil, porém, jogando em casa, sabemos que teremos mais um jogador na quadra, que é a torcida vascaína – completou Palácios.

A partida entre Vasco e Macaé é válida pela segunda rodada do Estadual. Na primeira, o time de São Januário bateu o Botafogo por 77 a 53. Na segunda-feira, dia 3/10, a equipe encara o Flamengo, no ginásio do Tijuca, às 20h.