Basquete: Veja os destaque da vitória vascaína contra a Liga Sorocabana

31/01/2018 às 08h38 - OUTROS ESPORTES

LSB/Uniso e Vasco da Gama fizeram uma partida com um roteiro dramático. Depois de muito equilíbrio e emoção nos segundos, o duelo foi para a prorrogação e quem levou a melhor foi o time carioca. Com um “passe de mágica” de Fúlvio no tempo extra, os cruz-maltinos venceram, por 80 a 75, o duelo realizado nesta terça-feira (30/01), no Ginásio Gualberto Moreira, em Sorocaba.

Retorno clutch: De volta após longo tempo afastado por conta de uma lesão muscular, Fúlvio marcou oito de seus 12 pontos na prorrogação e foi fundamental para o triunfo do Vasco. Mesmo sem atuar desde o dia 07/12, o armador marcou seis pontos seguidos na metade do tempo extra em um momento decisivo do jogo e depois ainda anotou mais dois para selar o triunfo carioca.

Várias contribuições: Além de Fúlvio, outros quatro jogadores da equipe vencedora tiveram dígitos duplos na pontuação. Renato Carbonari foi o cestinha, com 17, seguido por Gustavo Basilio, David Jackson e Guilherme Giovannoni, que marcaram 16 cada.

Boa fase: Um dos cestinhas do Vasco, Giovannoni ainda somou dez rebotes e garantiu seu quarto duplo-duplo na temporada. Esta foi a terceira vez nos últimos cinco jogos em que o experiente ala/pivô somou dois dígitos em dois fundamentos.

Eles tentaram: Do lado sorocabano, a dupla de garrafão Mineiro e Drudi se destacou e somou para 33 pontos. Outro nome importante foi o jovem ala/armador Lucas “Fumacinha” Marciel, autor de 13 pontos, seis rebotes, cinco assistências e duas bolas recuperadas. Quem também foi bem foi Kevin Crescenzi, autor de 11 pontos e sete assistências.

Põe na conta: Esta foi a sexta vitória do Vasco em 17 partidas disputadas (35,3% de aproveitamento) e a equipe segue na 11ª posição. Do outro lado, a Liga Sorocabana contabilizou sua 15ª derrota consecutiva e se encontra na última colocação.

Que jogo! Em uma partida parelha do início ao fim, Vasco e Liga Sorocabana alternaram a liderança de lado 12 vezes e o placar esteve empatado em outras nove oportunidades durante os 40 minutos do tempo regulamentar. Faltando pouco menos de dez segundos, Jackson converteu dois lances livres para deixar tudo igual no placar pela 10ª vez.

Teve a chance: Depois dos lances livres de Jackson, a Liga Sorocabana ainda teve oito segundos para tentar ganhar o jogo. Depois de pedido de tempo do técnico Rinaldo Rodrigues, a bola chegou até Mineiro, mas o pivô não converteu arremesso de média distância e a partida foi para a prorrogação.

E agora? O Vasco fará mais duas partidas no Estado de São Paulo: quinta (01/02), contra Mogi, e sábado (03/02), diante do EC Pinheiros. Por sua vez, o time de Sorocaba volta à quadra apenas no próximo sábado e receberá o Botafogo, em um duelo direto na briga por posições.

Fonte: Site da LNB