Brant: "O voto do vascaíno será respeitado"

07/11/2017 às 13h12 - POLÍTICA

Brant, sobre o andamento da eleição: "Sempre confiamos na justiça e na Polícia Militar. Hoje esse aparato se fez presente, pra não só garantir a tranquilidade para o vascaíno votar, mas para garantir a transparência do processo. As urnas separadas estão lá, (os votos) serão computados em separado e analisados depois pela justiça se são ou não são sócios, de fato, do Vasco da Gama.Teremos essa mesma tranquilidade durante a apuração, e o voto do vascaíno será respeitado, teremos então o novo presidente do Vasco da Gama após o fim da apuração". 

Fonte: Globoesporte.com