Comentaristas comentam contratação de Milton Mendes

Em 20/03/2017 20:49
 
Milton MendesMilton Mendes
Foto: Site oficial do Vasco

No último domingo (19), os clássicos entre Vasco x Botafogo e Santos x Palmeiras foram os grandes destaques dentro e fora das quatro linhas durante a rodada de fim de semana do Campeonato Carioca e Paulista, respectivamente. No rio de Janeiro, após o 0 a 0 no Estádio Nilton Santos, o Cruzmaltino, que fora comandado interinamente pelo ex-atacante Valdir Bigode, anunciou o seu mais novo técnico: Milton Mendes. Ex-jogador do Vasco, e tendo feito bons trabalhos com a Ferroviária e até agosto do ano passado, com o Santa Cruz, o novo treinador terá a missão de substituir Cristóvão Borges, e também atender às ordens do presidente Eurico Miranda, que garantiu: ‘O Gigante da Colina irá para as cabeças’.

Já no clássico paulista, disputado na Vila Belmiro, o 0 a 0 não teve vez no marcador, que terminou com vitória de virada do Palmeiras por 2 a 1. Porém, o que mais chamou atenção foram as reações do volante Felipe Melo, do Alviverde. A todo instante provocando a torcida rival, mesmo estando no território adversário, o jogador ainda alfinetou o Peixe na saída do gramado, e após ser perguntado sobre a sensação de entrar em campo no ‘caldeirão’ da Vila Belmiro disparou: ‘Caldeirão? Nunca vi caldeirão com 5 mil, 8 mil pessoas!”.

Aqui no FOXSports.com.br, os dois assuntos também ganharam as manchetes, e geraram grande repercussão. Durante o 'A última palavra' de domingo, por exemplo, o ex-jogador do Vasco e comentarista do FOX Sports, Edmundo, afirmou que Milton Mendes não é o nome ideal para este momento no Cruzmaltino. Os talentos da ‘Casa da Libertadores’, Eugênio Leal e Gustavo Villani, também resolveram opinar. Confira: 

Milton Mendes no Vasco

Eugênio Leal: “O Milton Mendes ainda não fez um trabalho confiável no Brasil. Começou bem no Atlético-PR e no Santa Cruz, mas não conseguiu manter a regularidade. E pega um clube em situação difícil. Terá que montar um time no meio das competições. Seria difícil mesmo para um técnico consagrado”.

Gustavo Villani: “O Vasco precisa de um técnico que dê liderança para o time, eu acho que o Milton Mendes está mais para como é o Cristóvão em termos de personalidade. Eu traria um treinador de mais bagagem”.

Reações de Felipe Melo durante o clássico

Eugênio Leal: “Acho que ele (Felipe Melo) faz um marketing pessoal em cima dessa "fama de mal". Acredito que as provocações dele tenham um tom que puxa para um lado violento, agressivo. Isso não me agrada. A sociedade não precisa disso, pelo contrário. Não precisamos de ídolos que se impõem desta forma”.

Gustavo Villani: “Falar todo mundo fala; até papagaio fala e tem que sustentar o que fala. Se ele jogar bem, e ele tem jogado bem, vai sustentar as declarações que der. Assim, não vejo problema nenhum. Acho que isso diverte o futebol, diferentemente daquela primeira declaração dele, quando ele disse que daria tapa em jogadores uruguaios. Aquilo é provocação gratuita. Ontem ele já foi provocado pela torcida, são contextos diferentes”.