Confira na íntegra a entrevista coletiva de Zé Ricardo

05/11/2017 às 21h50 - FUTEBOL

Assim como os 15 mil presentes ao Maracanã, Zé Ricardo não gostou nada da atuação do Vasco no empate com o Vitória por 1 a 1, na noite deste domingo, resultado que impediu o Cruz-Maltino de entrar no G-7, zona de classificação da Pré-Libertadores. Com o tropeço, o time termina a rodada com 45 pontos, na oitava posição. Na coletiva de imprensa após a partida, o treinador criticou o desempenho do time e disse que o triunfo, que escapou nos acréscimos, seria injusto.

- Realmente o resultado foi ruim. A vitória seria um prêmio sem ter uma performance convincente. Fizemos uma partida ruim em todos os aspectos, o Vitória nos pressionou. Nos preparamos para enfrentar com dois de área, mas, com as substituições que precisamos fazer, a pressão deu resultado no gol de empate. Nos aspectos técnicos e táticos, estivemos abaixo do nosso normal. Sem estar bem, dificilmente tem volume de jogo. Foi algo natural. Tentamos, mas foi um dia em que estivemos abaixo - lamentou o técnico.

Antes de terminar a entrevista, Eurico Miranda entrou na sala de imprensa. O presidente foi aos microfone, mas não para responder a perguntas, e sim fazer um pronunciamento:

- Vim para dar um comunicado rápido. O nosso objetivo continua, estamos no caminho, contra tudo e contra todos. Com certeza vamos chegar no nosso objetivo: a Libertadores

Confira outros trechos da coletiva de Zé Ricardo:

SUBSTITUIÇÕES
Eu procuro não fazer comentários sobre comentários de outros jogos. Nós tínhamos duas substituições para fazer. Uma a do Luis Fabiano. Perdemos o Anderson com um minuto de jogo, o que nos deixou de mãos atadas. Fiquei com apenas uma substituição. Até entendemos a torcida, que queria o time para cima. Não conseguimos concluir. O resultado poderia ter sido até pior. Procuramos segurar a última substituição por causa das duas que tivemos que fazer cedo. Não sabemos o que poderia acontecer.

LUIS FABIANO
O Luis e o Kanu estavam travando um duelo físico. Houve um cara a cara entre eles, e o árbitro deu o amarelo dos dois. Não contamos com ele na quarta, vai seguir a preparação para estar bem contra o São Paulo.

O QUE DEU ERRADO?
Estávamos longe para jogar e para marcar, o que deu volume de jogo ao Vitória. Nos criou dificuldades. Viram que não estávamos bem na partida. Mancini deixou o time mais leve, mais técnico. Nem os contra-ataques nós conseguimos, apenas uma bola na trave. Sucumbimos.

Fonte: globoesporte.com