Erazo fala sobre jogo da Libertadores e Zé Ricardo

23/02/2018 às 18h36 - FUTEBOL

Bruno Giufrida @bgiufrida 


Erazo: "Foi um jogo difícil, disputado. Uma grande lição. Na Libertadores você não pode se sentir à vontade. Todo mundo aprendeu, até os mais experientes. Todo o grupo está tentando deixar para trás e focar no Carioca. Sabemos que é uma competição especial para nós" #gevas 

"O Zé é um grande treinador. Já teve oportunidade de ter grandes jogadores debaixo da tutela dele. Não nos passou nada ainda. É muito profissional. Está pensando só no jogo seguinte, no Carioca. Está tranquilo. É normal que tenha proposta. Gosto muito dele", diz Erazo #gevas 

"No trabalho, não senti ele diferente. Eu o vi muito normal, como falei antes. Estou sabendo por vocês. Proposta do mundo árabe, que faz grandes investimentos, é tentador para qualquer um. Se a proposta fosse para mim, certamente ficaria pensativo", completa Erazo #gevas 

Sobre o próximo jogo, Erazo diz: "Quem jogou foi fazer recuperação lá no CT e quem não jogou fez um trabalho mais pesado. Foi essa a programação. Amanhã ele vai juntar o grupo todo e falar quem vai jogar essa partida" #gevas 

Erazo, sobre o peso da camisa na Libertadores: "Isso pesa. Sempre que você vai enfrentar um time que já foi campeão, que tem história, camisa, tem aquele respeito. Sentimos esse respeito quando entramos em campo. O Vasco é um time que já teve oportunidade de ganhar" #gevas 

Fonte: Twitter do jornalista Bruno Giufrida - GE