Quem sai e quem fica no Vasco? Vote! clique aqui

Eurico Miranda fala sobre realizar outras eleições

09/01/2018 às 18h33 - POLÍTICA
Foto: Globo EsporteEurico Miranda
Eurico Miranda

Eurico Miranda afirmou nesta terça-feira que deseja a realização de nova eleição para presidente do Vasco, caso seja confirmada a existência de votos irregulares na urna 7. O dirigente garante não ter participação na associação irregular acusada pela oposição e que pode determinar sua derrota na eleição realizada no dia 7 de novembro. 

- O estatuto do Vasco é claro quanto a isso. Se houve problema na eleição, que seja realizada outra eleição. Não pode é anular uma parte da eleição. É isso que eu quero - afirmou o dirigente. 

De acordo com a perícia solicitada pela juíza Maria Cecília Pinto Gonçalves, do Tribunal de Justiça do Estado do Rio, o clube não conseguiu apresentar provas de que os associados colocados sob suspeita estão regulares no quadro social. Apesar disso, o presidente destacou que está convicto de que não houve irregularidade nas associações. 

- Não provaram nada. As partes interessadas é que fizeram isso. Não há uma prova. Na delegacia, não chegaram a conclusão de coisa alguma. Esse negócio de compra de voto para quê? Para ganhar eleição? Para administrar o quê? Qual o benefício que vou ter pessoal? Zero. Só me dá prejuízo físico. Financeiro é secundário. 

Ele ainda frisou que vai levar a briga judicial até a última instância para garantir que os votos da urna 7 sejam validados ou então que uma nova eleição seja realizada. 

- Pode ter certeza de que vou até o fim. Não se preocupem quanto a isso. 

Fonte: Globo online