Felipe nega declarações de Euriquinho o acusando de incentivar boicote

06/11/2017 às 18h30 - FUTEBOL

Em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira (06), em São Januário, o vice-presidente de futebol do Vasco, Euriquinho, acusou o ex-jogador Felipe, que apoia a chapa 'Sempre Vasco', de Julio Brant, de contatar jogadores do elenco atual do Cruz-Maltino para tentar 'boicotar' o futebol. Além disso, o dirigente também disse que possíveis reforços do time da Colina não vieram porque o ex-lateral esquerdo disse para os atletas não se transferirem para o Gigante da Colina. 

RESPOSTA 

Após saber das acusações, o ex-jogador Felipe se defendeu e respondeu Euriquinho com a seguinte nota. 

"Minha vitoriosa carreira no Vasco foi conquistada com muito trabalho e dedicação. Meu caráter é uma herança de minha família e da minha formação como atleta nas divisões de base do Vasco. Minha imagem é o meu maior patrimônio, como ex atleta, ídolo, profissional do futebol e pai de família. Os inúmeros títulos que conquistei no Vasco são o meu orgulho. Portanto, repudio, veementemente, as declarações FALSAS que essas pessoas insistem em utilizar para tumultuar o processo eleitoral do Vasco a partir do momento que me posiciono a favor da renovação e da transparência.Também não é novidade esse tipo de ataque, afinal é uma tática comum que usam em épocas de eleição. A minha história é a certeza que esses comentários maldosos e sem credibilidade não refletem a verdade. Por fim, peço para que o vascaíno reflita e veja que tentam engana-lo ao colocar a culpa na mentira. Não assumir a responsabilidade é a arma da incompetência. 

Saudações Vascaínas." 

Fonte: Esporte Interativo