Fernando Horta fala sobre possível união entre Brant-Campello

30/10/2017 às 08h45 - POLÍTICA

A Chapa Mudança com Segurança se recusa a se unir com gente que pra torcida do Vasco prega união e entre 4 paredes pede cargos.

Pra torcida do Vasco diz que vai fazer gestão e entre 4 paredes quer dirigir o futebol com interesses pessoais.

A Chapa Mudança com Segurança quer os votos dos vascaínos que rejeitam práticas velhas da política de gente que se diz ser o novo.

Fernando Horta quer vencer o nefasto Eurico sem fazer concessões. “Eu não tenho medo de morrer. Eu tenho medo de perder a dignidade”

Fernando Horta diz que vai às eleições com a união dos grupos políticos que o apoiam e de gente como Jorge Salgado e José Carlos Osório.

“Vamos vencer o Mensalão do Eurico com os que amam o Vasco e não com os que querem se servir do Vasco”

“Vamos derrotar o Eurico nas urnas e o sócio que quiser vir com a gente as portas estão abertas”.

“A maioria das vezes que tentamos união com a Chapa de Alexandre Campello quem nos recebia com pedidos de cargos era Roberto Monteiro”.

“Nas pesquisas estamos sempre entre primeiro e segundo lugar, e só nas pesquisas contratadas pelo Júlio Brant ele está na nossa frente”.

O cenário é a Chapa Mudança com Segurança em empate técnico com Eurico. Mais de 30% dos votos da junção Campello-Brant vem pra gente”.

“Vamos vencer as eleições sem vender a alma ao diabo e sem ter que participar de negociatas. O Vasco que queremos é limpo”

Temos do nosso lado Renovação Vascaína, Ao Vasco Tudo, Expresso da Virada, Malta do Vasco e o grande vascaino Otto de Carvalho.

Temos do nosso lado líderes como Jorge Salgado, José Carlos Osório, Hélio Donin e milhares de grandes vascaínos. Nenhum deles pediu cargos.

Quem não concorda com essas velhas práticas da política do toma lá dá cá, estamos aqui. Venham pro nosso lado. É hora do Vasco transparente.

Fonte: Twitter de Fernando Horta