Ida de Coutinho ao Barça se tornará a transição mais lucrativa da história

01/01/2018 às 11h52 - FUTEBOL

A chegada de Philippe Coutinho ao Barcelona está cada vez mais próxima de acontecer. Tudo indica que durante a próxima janela de transferências, o meia deverá finalmente assinar com os espanhóis em uma venda com números recordes, e transformaria sua venda no negócio mais lucrativo de toda a história.

O que tinha começado com uma proposta de 85 milhões de euros (R$ 337,8 milhões), deve terminar na casa dos 150 milhões (R$ 596,1 milhões) pagos ao Liverpool.

No início de 2013, os Reds pagaram em torno de 9,6 milhões de euros (R$ 38,1 milhões) para tirar Coutinho da Internazionale. Com esta venda ao Barça, os ingleses deverão lucrar em torno de 140,4 milhões de euros (R$ 558 milhões) em cima do meia.

Os números superam inclusive transação envolvendo Neymar e sua chegada ao Paris Saint-Germain, que até o momento ainda é a negociação de maior lucro. Pelo jogador, o Barcelona pagou 88,2 milhões de euros (R$ 350,5 milhões) ao Santos e em contrapartida recebeu 220 milhões de euros (R$ 874,4 milhões) dos franceses. A operação total deixou o clube com 133,8 milhões (R$ 531,7 milhões) positivos.

Em meio a tudo isso, quem deve se beneficiar é o Vasco da Gama. De acordo com a FIFA, o clube formador do jogador tem direito a 2,5% de cada transferência realizada. Neste caso, seriam quase 3,75 milhões de euros (R$ 15 milhões) que iriam aos cofres vascaínos devido a transação.

O valor é próximo ao arrecadado na própria venda do jogador em 2008, quando a Internazionale desembolsou 4 milhões de euros (R$ 15,8 milhões) para contratar Coutinho, que desembarcou em Milão somente dois anos depois.

Foto: Globoesporte.comCoutinho
Coutinho

Fonte: ESPN.com.br