Marcelo de Lima Henrique comenta polêmica envolvendo sua esposa

Em 08/04/2014 08:11
 
Marcelo de Lima Henrique Marcelo de Lima Henrique
Foto: Reprodução da internet

A bola nem rolou, e o árbitro Marcelo de Lima Henrique, escalado para apitar a final do Campeonato Estadual, entre Flamengo e Vasco, no próximo domingo, no Maracanã, já está no olho do furacão. Em resposta a provocações, sua mulher, Sandra Henrique, uma assumida vascaína, postou no Facebook que já tem certeza de que o Vasco será vice-campeão. Em entrevista ao blog Extracampo, o árbitro reclamou da postura da mulher e garantiu que a polêmica não vai tirar sua concentração para a decisão. Antes da final do Estadual, Marcelo apita na próxima quinta-feira o jogo Arsenal de Sarandí x Santos Laguna, no Estádio Julio Grondona, na Argentina, pela Libertadores.

O que achou do que sua mulher escreveu no Facebook?

Foi desnecessário. Ela me disse que foi ofendida e xingada por uns amigos. Ela é vascaína. Ela é até chata comigo por causa disso. Foi uma grande bobagem entre amigos. Ela foi infeliz porque é torcedora.

Essa polêmica pode tirar sua tranquilidade para o clássico?

Nosso nível é profissional. A gente pensa maior. O respeito é grande. Imagina... São duas instituições centenárias que estão ali!!! A gente trabalha para fazer o melhor. Treino diariamente pensando em fazer o melhor.

Vai repreender sua mulher?

Se ela desrespeitou alguma instituição, deve se desculpar. Ela deve ter responsabilidade sobre suas postagens. Cada um tem seu ID, sua rede... Cada um responde por seus atos. Ela está em Cabo Frio, com a bateria do celular no fim. Conversamos rapidamente.

Mas, de alguma forma, isso te atinge?

Qualquer coisa envolvendo uma decisão vira motivo de polêmica. A gente entende a repercussão, mas, na realidade, isso é uma grande bobagem. Meu respeito pelas entidades é maior do que tudo.

Sua mulher irá ao jogo no domingo?

Olha, não estou com vontade de levá-la, não. Ela gosta de ir. É torcedora. Mas acho que ela se expôs sem necessidade. Do jeito que está, é complicado. Ela não pode esquecer que eu sou o árbitro da decisão. Vou conversar com ela, vou dizer que é melhor ela não ir.

A mulher do árbitro da decisão não deveria tomar mais cuidado com suas postagens?

Não é só a mulher do árbitro, não. A mulher do jogador, que também é protagonista, deve ter cuidado com o que escreve na rede social. A esposa de qualquer pessoa pública, quando vai emitir uma opinião, deve pensar nessa pessoa pública. A gente paga pela tecnologia.

Fonte: Coluna Extracampo - Extra