Ministro do esporte, visita São Januário e ganha camisa do Vasco

02/02/2018 às 21h39 - CLUBE

 Club de Regatas Vasco da Gama recebeu uma visita especial na tarde desta sexta-feira (02/02). Ministro do Esporte e Deputado Federal pelo Rio de Janeiro, Leonardo Picciani esteve no gabinete presidencial e foi recebido pelo presidente Alexandre Campello. Na ocasião, a autoridade desejou sorte à nova gestão e rasgou elogios para o trabalho social desenvolvido pelo Gigante da Colina. 

- Viemos aqui fazer uma visita de cortesia ao presidente Alexandre Campello e os demais membros da nova diretoria do Vasco da Gama. Fiz questão de desejar muito sucesso para todos nesse trabalho. Além disso, fizemos uma apelo ao presidente. Queremos que o clube seja parceiro do Ministério do Esporte e do Governo Federal na mobilização que fazemos nas ações de segurança pública. Procuramos ajudar através de programas esportivos a afastar os jovens da criminalidade e da violência. O Vasco da Gama é um símbolo do futebol brasileiro e acreditamos ser peça fundamental nessa tarefa - afirmou o Ministro do Esporte. 

Ao lado de outros dirigentes vascaínos, como o presidente do Conselho Deliberativo Roberto Monteiro, Leonardo Picciani fez um tour pela Colina História e recebeu de presente das mãos do presidente Alexandre Campello uma camisa oficial do clube. A entrega foi realizada na Tribuna de Honra de São Januário, onde capítulos importantes da história do país foram construídos. 

- Foi um grande gesto do Ministro do Esporte. Ele reconhece a potência, a grandeza e a importância do Vasco para a sociedade do Rio de Janeiro. Se trata de um clube que possui uma história no que diz respeito ao modo de se relacionar com a sociedade, com a população mais humilde. O Vasco sempre foi um clube do povo, um clube da Zona Norte do Rio de Janeiro. Aceitamos muito bem esse convite para participar de projetos sociais que visam integrar a sociedade e os moradores dessas comunidades carentes, oferecendo para cada um deles uma oportunidade para praticar o esporte - disse o presidente Alexandre Campello. 

Fonte: Site oficial do Vasco