Notas do Vasco no clássico contra o Fluminense

08/03/2018 às 08h17 - FUTEBOL

MARTÍN SILVA: Não teve muito trabalho, mas fechou bem o ângulo na melhor chance do Fluminense no jogo. NOTA 6,5

PAULÃO: Foi muito bem no mano a mano e ainda ajudou demais nas saídas de bola. NOTA 6

ERAZO: Lutou muito, mas foi mal no jogo aéreo, não tocou na bola nenhuma vez pelo alto. NOTA 4,5

WERLEY: Levou a melhor nos desarmes, mas também falhou nas bolas aéreas. NOTA 5,5

PAULINHO: Entrou para dar mais gás ao ataque e pouco fez. NOTA 5,5

YAGO PIKACHU: Sofreu para marcar as investidas de Ayrton e também levou a pior no ataque. NOTA 5

DESÁBATO: Não teve eficiência habitual nos desarmes e pouco acrescentou com a bola. NOTA 5

WELLINGTON: Ficou mais preso à marcação, por causa do novo esquema tático, mas sem comprometer. NOTA 5,5

WAGNER: Lento quando tinha a bola, arriscou alguns lançamentos, mas sem sucesso. NOTA 5

THIAGO GALHARDO: Exigiu boa defesa de Júlio César logo que entrou. No mais, pouco fez. NOTA 6

HENRIQUE: Pouco participativo no apoio, cumpriu bem seu papel defensivo. NOTA 5,5

RILDO: Tentou jogadas em velocidade, mas foi inofensivo. Perdeu chance inacreditável de gol, após bom passe de Riascos. NOTA 4,5

ANDRÉS RÍOS: Entrou no fim, mas lutou. NOTA 3

RIASCOS: Criou as melhores chances do Vasco no jogo. Em uma delas, deixou Rildo na cara do gol. NOTA 6,5

Fonte: O Dia