Para Eurico, jogar sem torcida é a pior sensação possível

16/07/2017 às 18h43 - FUTEBOL

Em entrevista coletiva, o presidente do Vasco Eurico Miranda, comentou sobre sensação de jogar sem a presença do torcedor. O jogo entre Vasco e Santos aconteceu com portões fechados, em punição por brigar na partida entre Vasco e Flamengo.

“A pior possível. Eu não entendo o futebol sem torcedor. Futebol sem torcedor é como se fosse um treino fechado. Pior possível.”

Para o presidente, que estima um prejuízo financeiro de cerca de 1 milhão de reais, o responsável por estádio sem torcida é o Gepe.

"Vasco vem de vitória. Se jogo é em São Januário, que público teríamos? Tiraram isso do torcedor. Maior responsável: Gepe"

Fonte: SUPERVASCO.COM