Política: Em clima tenso, Alexandre Campello contra-ataca rivais

13/05/2018 às 08h32 - CLUBE

Alvo de Roberto Monteiro e Eurico Miranda na política do clube, Alexandre Campello decidiu revidar. Contra o ex-aliado e presidente do Conselho Deliberativo, o dirigente resolveu apurar a entrada de novos sócios no Cruz-Maltino durante o período em que a secretaria esteve sob o comando da Identidade Vasco, grupo político de Monteiro. Há suspeitas de irregularidade.


Já o ex-presidente Eurico Miranda recebeu uma má notícia com a decisão de seu sucessor de derrubar na Justiça os 28 títulos de beneméritos concedidos por Eurico ano passado. As nomeações garantiam a ele votos importantes no Conselho Deliberativo do Vasco. No acordo judicial de Campello, ficou acertado que Eurico Miranda e Roberto Monteiro serão intimados a dar explicações à Justiça.

Em rota de colisão com duas lideranças fortes do clube, Alexandre Campello ganhou a promessa de Julio Brant, em vídeo, de que seus partidários deverão protegê-lo na reunião de segunda-feira no Conselho Deliberativo.

A postura mais combativa do presidente não tem sido à toa. O dirigente tem sido aconselhado por pessoas próximas a encarar a oposição de Monteiro e Eurico de peito aberto. Sua presença na reunião do Conselho de Beneméritos de sexta-feira passada, também foi algo defendido por aliados.

Apesar de estatuariamente ser obrigado a ir, Campello poderia ter alegado motivos particulares para se ausentar da reunião. Roberto Dinamite, quando presidente, dificilmente ia às reuniões dos Beneméritos, na época também convocadas por Eurico Miranda.


 

Fonte: O Globo Online