Rafael Marques diz que goleada sobre o Vitória não ilude o time

Em 15/07/2017 13:31
 

A preparação vascaína para mais um compromisso pelo Campeonato Brasileiro foi encerrada na manhã deste sábado (15/07) no Complexo Esportivo de São Januário. Visando a partida contra o Santos, o treinador Milton Mendes promoveu uma série de atividades físicas, técnicas e táticas, com o intuito de acertar os últimos detalhes antes do jogo deste domingo (16), às 16 horas, no Estádio Nilton Santos. 

Opção para o sistema defensivo, Rafael Marques atingirá uma marca especial com a camisa vascaína. Quando a bola rolar para o duelo contra o Peixe, o experiente zagueiro completará um ano de clube. A estreia pelo Cruzmaltino ocorreu exatamente no dia 16 de julho de 2016, quando o Gigante da Colina duelou com o Luverdense, no Mato Grosso, pelo Campeonato Brasileiro da Série B. 

- Estou muito feliz por estar completando um ano de casa. É um privilégio para mim atingir essa marca num clube como o Vasco, que possui tanta grandeza e pelo qual tenho um carinho muito grande. Tenho familiares que são vascaínos, inclusive. Espero que esse seja apenas a primeira temporada de muitas, que eu possa cumprir mais anos da minha vida aqui dentro. Creio muito na palavra de Deus que o melhor das nossas vidas está por vir - afirmou Rafael Marques. 

Para celebrar o aniversário de sua chegada ao clube de São Januário, Rafael Marques sonha com um triunfo sobre o Santos. A equipe de São Januário entrará em campo empolgada com o resultado obtido diante do Vitória, em Salvador, no meio da semana. A goleada por 4 a 1, porém, não fará o Vasco da Gama entrar em campo de salto alto. É isso que garante o defensor. 

- Sabíamos da dificuldade que iríamos encontrar em Salvador, até porque o Vitória vinha de um resultado positivo fora de casa, mas graças a Deus nós soubemos nos comportar bem durante o jogo. Atuamos com inteligência, pois fizemos um gol, sofremos o empate e não nos abatemos, continuamos com a mesma pegada e aproveitamos as oportunidades que surgiram. Temos que enfrentar o Santos mais concentrados, pois se trata de um time qualificado, com jogadores que possuem um diferencial grande na parte individual. É preciso marcar forte, ser firme do início ao fim e, quando as chances aparecerem, aproveitá-las - destacou o zagueiro. 

Confira outros trechos do bate-papo de Rafael Marques com o Site Oficial: 

- Crescimento da defesa e dificuldade do Brasileiro 

"É importante não só a defesa, mas o grupo estar em crescimento, até porque o Campeonato Brasileiro é longo, com jogos difíceis. Não dá tempo nem de lamentar, tampouco de comemorar muito. A gente consegue uma vitória importante, expressiva, marcando quatro gols e sofrendo apenas um, diante do Vitória, fora de casa, mas domingo já tem outra pedreira. Iremos enfrentar o Santos, que conquistou um grande resultado contra o Atlético Mineiro. Será um jogo difícil e pegado, mas para manter essa crescente tem que fazer um bom resultado dentro de casa. É preciso ser equilibrado, concentrado, firme e cirúrgico para aproveitar as oportunidades e vencer o jogo" 

- Questionamentos e grupo forte com atletas da base 

"No futebol é super normal o questionamento por parte da imprensa e dos torcedores, mas só podemos reverter isso dentro de campo. Não adiantar falar muito aqui e dentro de campo não corresponder. Jogador de futebol tem que se acostumar com a pressão, ainda mais quando se joga num clube da grandeza do Vasco. A gente tem uma certa obrigação de entrar em campo e jogar como time grande, sendo dentro ou fora de casa conseguir os resultados. Importante essa mescla entre mais jovens e experientes. Muitas pessoas falaram que a gente jogou desfalcado na quarta-feira, mas mostramos na quarta-feira que não somos apenas um time, mas um grupo forte" A preparação vascaína para mais um compromisso pelo Campeonato Brasileiro foi encerrada na manhã deste sábado (15/07) no Complexo Esportivo de São Januário. Visando a partida contra o Santos, o treinador Milton Mendes promoveu uma série de atividades físicas, técnicas e táticas, com o intuito de acertar os últimos detalhes antes do jogo deste domingo (16), às 16 horas, no Estádio Nilton Santos. 


Opção para o sistema defensivo, Rafael Marques atingirá uma marca especial com a camisa vascaína. Quando a bola rolar para o duelo contra o Peixe, o experiente zagueiro completará um ano de clube. A estreia pelo Cruzmaltino ocorreu exatamente no dia 16 de julho de 2016, quando o Gigante da Colina duelou com o Luverdense, no Mato Grosso, pelo Campeonato Brasileiro da Série B. 

- Estou muito feliz por estar completando um ano de casa. É um privilégio para mim atingir essa marca num clube como o Vasco, que possui tanta grandeza e pelo qual tenho um carinho muito grande. Tenho familiares que são vascaínos, inclusive. Espero que esse seja apenas a primeira temporada de muitas, que eu possa cumprir mais anos da minha vida aqui dentro. Creio muito na palavra de Deus que o melhor das nossas vidas está por vir - afirmou Rafael Marques. 

Para celebrar o aniversário de sua chegada ao clube de São Januário, Rafael Marques sonha com um triunfo sobre o Santos. A equipe de São Januário entrará em campo empolgada com o resultado obtido diante do Vitória, em Salvador, no meio da semana. A goleada por 4 a 1, porém, não fará o Vasco da Gama entrar em campo de salto alto. É isso que garante o defensor. 

- Sabíamos da dificuldade que iríamos encontrar em Salvador, até porque o Vitória vinha de um resultado positivo fora de casa, mas graças a Deus nós soubemos nos comportar bem durante o jogo. Atuamos com inteligência, pois fizemos um gol, sofremos o empate e não nos abatemos, continuamos com a mesma pegada e aproveitamos as oportunidades que surgiram. Temos que enfrentar o Santos mais concentrados, pois se trata de um time qualificado, com jogadores que possuem um diferencial grande na parte individual. É preciso marcar forte, ser firme do início ao fim e, quando as chances aparecerem, aproveitá-las - destacou o zagueiro. 

Confira outros trechos do bate-papo de Rafael Marques com o Site Oficial: 

- Crescimento da defesa e dificuldade do Brasileiro 

"É importante não só a defesa, mas o grupo estar em crescimento, até porque o Campeonato Brasileiro é longo, com jogos difíceis. Não dá tempo nem de lamentar, tampouco de comemorar muito. A gente consegue uma vitória importante, expressiva, marcando quatro gols e sofrendo apenas um, diante do Vitória, fora de casa, mas domingo já tem outra pedreira. Iremos enfrentar o Santos, que conquistou um grande resultado contra o Atlético Mineiro. Será um jogo difícil e pegado, mas para manter essa crescente tem que fazer um bom resultado dentro de casa. É preciso ser equilibrado, concentrado, firme e cirúrgico para aproveitar as oportunidades e vencer o jogo" 

- Questionamentos e grupo forte com atletas da base 

"No futebol é super normal o questionamento por parte da imprensa e dos torcedores, mas só podemos reverter isso dentro de campo. Não adiantar falar muito aqui e dentro de campo não corresponder. Jogador de futebol tem que se acostumar com a pressão, ainda mais quando se joga num clube da grandeza do Vasco. A gente tem uma certa obrigação de entrar em campo e jogar como time grande, sendo dentro ou fora de casa conseguir os resultados. Importante essa mescla entre mais jovens e experientes. Muitas pessoas falaram que a gente jogou desfalcado na quarta-feira, mas mostramos na quarta-feira que não somos apenas um time, mas um grupo forte" 

Fonte: Site oficial do Vasco