Sub-11: Vasco perde clássico nos pênaltis e dá adeus ao Metropolitano

25/11/2017 às 18h28 - CATEGORIAS DE BASE

A tarde não foi feliz para a equipe sub-11 do Vasco da Gama. Dono da melhor campanha do Campeonato Metropolitano, o Pré-Mirim entrou em campo precisando de uma vitória simples para confirmar a classificação para a decisão. Embora tenha sido superior em grande parte do duelo, o Cruzmaltino não conseguiu evitar que a partida terminasse empatada em 0 a 0 no tempo normal. Nas penalidades, o Flamengo venceu por 3 a 2.

Apesar da vaga para a final não ter vindo, o trabalho desenvolvido pelo Gigante da Colina na categoria merece ser exaltado. Os atletas da Geração 2006 encerraram a participação na competição nacional invictos, com 12 vitórias e dois empates. O Pré-Mirim cruzmaltino, não custa lembrar, conquistou no primeiro semestre o título da Copa Dente de Leite, um das principais competições estaduais da faixa etária. 

O JOGO

Equilibrado e nervoso! É dessa forma que pode ser resumido a etapa inicial do Clássico dos Milhões em São Januário. Cientes de que sofrer um gol poderia dificultar o sonho de seguir na luta pelo título do Metropolitano, as duas equipes pouco atacaram nos começo da partida. A primeira boa oportunidade foi vascaína. Após confusão na entrada da grande área, a bola sobrou e Rayan finalizou para boa defesa do goleiro rubro-negro. Através de uma cobrança de falta, o camisa 10 cruzmaltino voltou a levar perigo aos 31, mas foi o Flamengo que ficou próximo de marcar aos 28. 

Apoiado por sua torcida, o Gigante da Colina se tornou mais ofensivo no segundo tempo. Foi o Flamengo, entretanto, que assustou primeiro. Aos nove minutos, Fábio chutou de longe e Gabriel Caldeira fez uma grande intervenção. O Vasco respondeu aos 15, quando João Pedro escapou pela direita, Caio ajeitou e Wanison arrematou com perigo. Com 19, outra boa chance cruzmaltina. Dessa vez, Nícollas superou os marcadores e cruzou na direção de Rayan, que acabou finalizando à esquerda da meta do adversário.

O empate persistiu até o final e a vaga para a decisão acabou sendo decidida nas cobranças de pênalti, onde o Flamengo foi mais eficiente. O Rubro-Negro acertou três de suas quatro cobranças, enquanto o Vasco desperdiçou três de suas cinco, sendo superado pelo rival pelo placar de 3 a 2.

Escalação do Vasco: Gabriel Caldeira, Pedro Henrique (João Pedro), Noronha, Igor e Wanison; Juan (Riquelme), Caio (Louback), Matheus Ferreira e Rayan Vitor; Paulo Roberto (Nícollas) e Kauã Velon (Matheus Job). Treinador: Eduardo Júnior. 

Foto: Site Oficial do VascoSub-11
Sub-11

Fonte: Site oficial do Vasco