Sub-20: Marcus Alexandre destaca amadurecimento da equipe

09/02/2018 às 08h44 - CATEGORIAS DE BASE

Uma demonstração de força foi dada pela equipe sub-20 do Vasco da Gama na tarde da última quinta-feira (08/02). Com bastante personalidade e frieza, o Almirante derrotou o Flamengo por 2 a 1 dentro da Gávea e mostrou que segue dominando o Rio de Janeiro na categoria. O Rubro-Negro até saiu na frente do marcador, mas não conseguiu segurar o ímpeto cruzmaltino, em especial na etapa final.

- Foi o confronto entre o vencedor da Copinha e o campeão estadual. Sabíamos que o jogo seria bem difícil aqui dentro, mas tínhamos certeza que poderíamos vencê-los. No primeiro tempo não foi tão bom. Iniciamos a partida distraídos e dispersos. No segundo tempo, o nosso desempenho foi outro. Conseguimos colocar a bola no chão e passamos a dominar o clássico de uma forma que o Flamengo não conseguia jogar. Marcamos o nosso gol no finalzinho e demos um passo grande para a classificação - avaliou o técnico Marcus Alexandre.

O triunfo trouxe ainda mais confiança para o time júnior, que foi bastante reformulado após a conquista estadual do ano passado. Um total de 11 jogadores da equipe campeã foram promovidos para o profissional, quatro deles, inclusive, participaram da última partida, diante do Universidad Concepción (CHI), em São Januário. O surgimento de novas promessas foi festejado por Marcus Alexandre.

- Foi um resultado muito importante, trouxe ainda mais confiança para essa equipe, que ainda está em formação. Muitos jogadores subiram para o profissional, mas os remanescentes assumiram um papel de liderança e estão conduzindo essa reconstrução. Hoje temos inúmeros atletas fazendo um processo de transição no profissional. Fico muito feliz pela resposta dos meninos dentro de campo. O importante é que não deixamos o nível do ano passado cair e seguimos firmes no objetivo de revelar atletas para o time principal - disse o comandante.

Quando fala em processo de transição, Marcus Alexandre se refere ao aproveitamento de jogadores do sub-20 em treinamentos da equipe principal. Quase todos os atletas que compõe o grupo já tiveram a oportunidade de participar de alguma atividade comandada pelo treinador Zé Ricardo. Quatro deles, o lateral Rafael França, o meia Lucas Santos e os atacantes Hugo Borges e Marrony, já chegaram a entrar em campo durante o Estadual

- Esse processo tem nos deixado bastante feliz e até mesmo por isso não poderia deixar de fazer um agradecimento ao Zé Ricardo. Os meninos estão voltando do profissional e contagiando o restante do grupo. Estão compartilhando toda a experiência positiva com os companheiros. Isso tem acelerado o processo de maturação dos mais jovens, em especial daqueles que subiram do juvenil. O Laranjeira entrou no clássico e deu conta do recado, assim como o Caio Lopes, que foi titular e foi muito bem na partida - concluiu o treinador vascaíno.

Com três vitórias em quatro jogos disputados, o Vasco da Gama soma nove pontos e ocupa o segundo lugar na tabela de classificação do Grupo A da Taça Guanabara. Atual campeão do primeiro turno, o Cruzmaltino volta a atuar no próximo dia 18 de fevereiro, em São Januário, contra o Bonsucesso. Uma vitória pode colocar o Gigante na liderança, que hoje pertence ao Nova Iguaçu em virtude do critério de desempate saldo de gols.

Fonte: Site oficial do Vasco