Técnico do Jorge Wilstermann elogia jogadores do Vasco

14/02/2018 às 08h43 - FUTEBOL

Com seis gols a favor e nenhum sofrido em dois jogos, com o melhor ataque da segunda fase da pré-Libertadores, ao lado do Guarani, do Paraguai, o setor ofensivo do Vasco vai muito bem, obrigado. E o Jorge Wilsterman, rival do time de Zé Ricardo na quarta-feira, em São Januário, sabe muito bem disso.

E três jogadores do elenco vascaíno, em especial, chamam a atenção do técnico Álvaro Peña.

- Vimos as duas partidas (contra a Universidad de Concepción), eles têm uma boa equipe: o lateral-esquerdo (Henrique), o 10 (Evander) e Paulinho. Eles têm jogadores interessantes e nós também temos.

Nos últimos treinos, o técnico do elenco boliviano pediu atenção especial com a posse de bola. Ele quer evitar dores de cabeça como as que teve no confronto contra o compatriota Oriente Petrolero (vitória por 2 a 1 e empate em 2 a 2):

- Perdemos muitas bolas e penso sim que uma equipe quer segurar o resultado não pode perder a bola. A posse é imporante, nos faltou isso, perdemos controle, chegaram ao empate e quase nos venceram. Relaxamos muito - avaliou Peña, que espera não repetir os mesmos erros na quarta-feira.

Expulso na primeira partida contra o Petrolero, o capitão e zagueiro Zenteno está de volta ao time, no lugar do uruguaio Enrique Diáz. A única dúvida no Wilsterman é o meia Cristian Chávez, com uma contratura no glúteo. Se não tiver condições, seu substituto será Melgar.

Fonte: Agência O Globo