Torcida vascaína sofre com a defesa em 2018

30/05/2018 às 08h16 - FUTEBOL

Defesa sólida de Mano Menezes

Em 20 jogos de 30 na temporada (12 como mandante e 8 como visitante) , o Cruzeiro não sofreu gol, o que representa 67% das partidas disputadas. A Raposa só sofreu mais de um gol em uma partida duas vezes em 2018: nas derrotas por 3 a 1 para o Atlético-MG (jogo de ida da final do Campeonato Mineiro) e por 4 a 2 para o Racing (Libertadores).

Como mandante, o time comandado por Mano Menezes só sofreu gol em três jogos: Cruzeiro 2 x 1 Tupi-MG (Mineiro), Cruzeiro 0 x 1 Grêmio (Brasileiro) e Cruzeiro 2 x 1 Racing (Libertadores). Como visitante, são 12 gols sofridos em 15 jogos (média de 0,8 por jogo). Flamengo, Internacional, Palmeiras e Atlético-MG completam o Top 5.

Torcida vascaína sofre com a defesa em 2018

Em apenas sete dos 32 jogos na temporada (três como mandante e quatro como visitante) o Vasco não sofreu gol, o que representa 22% das partidas disputadas. Como mandante, foram 24 gols sofridos em 16 jogos (média de 1,5 por partida); e, como visitante, 26 (média de 1,6). E dentro ou fora de São Januário, um problema para o técnico Zé Ricardo tem sido a bola pelo alto: em 20 oportunidades a rede vascaína balançou a partir de jogadas aéreas (40%).

Outros números curiosos: o time sofreu quatro gols em três jogos (Jorge Wilstermann 4 x 0 Vasco, Racing 4 x 0 Vasco e Vasco 0 x 4 Cruzeiro), todos pela Libertadores; e levou dois ou mais gols em 14 jogos na temporada (44% das partidas no ano). Outras equipes que se destacam negativamente na defesa são: Vitória, Paraná, Botafogo e América-MG.

Fonte: GloboEsporte.com