Twitter do Vasco bloqueia torcedores que pedem anulação da urna 7

09/11/2017 às 21h38 - IMPRENSA

Aos poucos, diversos torcedores do Vasco da Gama começaram a sinalizar que já não tinham mais acesso ao perfil do clube no Twitter. Estes internautas têm algo em comum: todos criticaram Eurico Miranda e pediram a anulação da 7, sobre a qual circula uma suspeita de irregularidade na eleição.

Em contato com o UOL Esporte, o Vasco não confirmou a existência de um bloqueio em massa. Segundo o departamento de comunicação, responsável pelas contas nas redes sociais, só estão sendo bloqueados os usuários que proferem ofensas pessoais para pessoas ligadas ao clube.

Uma simples busca no Twitter por "Vasco" e variações da palavra "bloqueado" expõe o dilema de muitos cruz-maltinos. Alguns chegaram a enviar mensagens para Julio Brant, candidato da oposição para a presidência neste último pleito.

"Quando assumir em janeiro, irá desbloquear todos os torcedores inocentes? Não quero ficar bloqueado pelo meu time, isso é um absurdo", escreveu um internauta. Se desconsiderarmos os votos da "urna da discórdia", Brant teria vencido a eleição.

A chapa de Eurico Miranda, por outro lado, alega ter como comprovar a legalidade de tais votantes e se considera vencedora. Fiscais e membros da atual diretoria dizem ter provas de que os sócios acusados de envolvimento em um mensalão estão regularizados no quadro social do clube.

"Não sei nem o que vão impugnar. Não sei. Vão impugnar os votos baseado em quê? Os votos estão na urna. O resultado está aí. Estão procurando pêlo em casca de ovo. Vou continuar reconstruindo o Vasco", declarou Eurico após a apuração.

Fonte: UOL Esportes