Vasco deve ser notificado nesta quarta (1) de liminar sobre eleição

01/11/2017 às 09h33 - POLÍTICA

A Justiça concedeu liminar à oposição do Vasco que obriga 693 sócios da lista de votantes do clube a votar em urnas separadas na eleição marcada para o dia 7, em São Januário. A ação, em nome de Fernando Horta, candidato à presidência pela Chapa "Mudança com Responsabilidade", é considerada uma vitória para os adversários do presidente Eurico Miranda.

A decisão judicial saiu na terça-feira e o Vasco deve ser notificado nesta quarta. Os 693 nomes são referentes a sócios que entraram no quadro social entre novembro e dezembro de 2015. A oposição reclama de não haver comprovação de pagamento desses sócios, mesmo no balanço fiscal do clube.

O clube terá o direito de recorrer. São candidatos à presidência Eurico Miranda, que tenta a reeleição, Fernando Horta, Julio Brant e Antônio Miguel Fernandes.

Fonte: Extra