Vasco e Corinthians divergem sobre salário de Giovanni Augusto

15/02/2018 às 08h12 - FUTEBOL

Corinthians e Vasco divergem sobre quem vai bancar o salário de cerca de R$ 350 mil mensais de Giovanni Augusto, um dos maiores salários do Parque São Jorge até o ano passado. Em entrevista à ESPN Brasil, o diretor executivo vascaíno Paulo Pelaipe declarou que a maior parte seria paga pelo Corinthians. Em contato com a reportagem, o departamento de futebol corintiano negou a versão e disse que os vencimentos seriam divididos em 50% entre as partes. A direção do Corinthians também assegurou ao atleta que, caso o Vasco não honrasse com algum pagamento, ele teria respaldo dos paulistas para receber.

Fonte: De Prima - UOL