Vasco liga alerta após resultados negativos como visitante

Em 06/10/2016 21:17
 

Apesar de ter feito uma campanha segura até este momento na Série B, no Vasco o momento é de abrir os olhos. Com os sonhos de título de Copa do Brasil e recorde de pontos no certame de acesso impossibilitados, o foco é correr para garantir logo a vaga na Série A de 2017.

No entanto, os resultados e a fase atual do time ligaram um alerta em São Januário. O clube soma duas derrotas seguidas, e depois do revés para o Paysandu na última terça-feira (04) deixou, pela primeira vez, a liderança.

Pior do que isso: viu a distância para o quinto colocado – que não sobe para a Série A – cair consideravelmente.

Se há três rodadas o Gigante da Colina tinha dez pontos de vantagem em relação ao quinto colocado (na época, o Brasil de Pelotas), agora apenas seis pontos separam os cariocas do Náutico, o primeiro fora do G-4 da Série B.

O trabalho de Jorginho, que conseguiu excelentes números na sua primeira metade de trabalho, é cada vez mais contestado e o ex-jogador se vê isolado da diretoria neste momento de crise. Auxiliar técnico do Vasco, Zinho reconheceu que o momento não é dos melhores. No entanto, mantém a confiança de título.

“A gente precisa vencer os jogos, ou a diferença de pontos aumenta. Cada jogo é uma decisão. As equipes melhoraram, se reformularam, e a coisa afunilou. Temos que voltar a jogar nosso jogo, da forma que fizemos durante 80% do ano”, disse.

Para conseguir um acesso sem grandes dramas, o Vasco também precisa somar resultados melhores como visitante. Já são mais de três meses sem uma vitória fora de casa na Série B – e, no total, mais de dois meses desde o triunfo sobre o Santa Cruz, pela Copa do Brasil.

O último triunfo cruzmaltino como visitante na Série B foi em junho, nos 2 a 1 sobre o CRB pela 12ª rodada. Desde então, quatro empates e o mesmo número de derrotas – apenas quatro pontos somados dentre os 24 possíveis.