Vasco recorda longos tabus quebrados pela equipe no Brasileirão deste ano

19/11/2017 às 16h25 - FUTEBOL

Superar os prognósticos e quebrar tabus tem sido uma marca do Vasco da Gama na atual edição do Campeonato Brasileiro. Quando todos dizem que não vai dar, o Gigante da Colina vai lá e prova justamente o contrário. Invicto há 11 jogos, o Cruzmaltino se estabeleceu na briga por uma vaga na Taça Libertadores da América de 2018, algo considerado impossível por muitos no início da competição. O Almirante chegou a ser apontado como um forte candidato ao rebaixamento, embora o discurso interno fosse totalmente diferente.

Contra o Atlético Paranaense, neste domingo (19/11), o Vasco buscará deixar um tabu para trás, tendo em vista que nunca venceu o Furacão na Arena da Baixada pelo torneio nacional (a única vitória foi pela Copa Sul-Americano de 2007). Inspirações para a quebra dessa incômoda marca não faltam. Isso porque a equipe de São Januário já atingiu alguns feitos dentro do Brasileirão 2017. No primeiro turno, o Vasco bateu o Vitória por 4 a 1 dentro do Barradão, algo que jamais havia acontecido na história. O Gigante também não vencia o Leão em Salvador desde 1991.

Poucos dias depois, o time vascaíno derrubou um outro tabu, dessa vez diante do Atlético Mineiro. Em plena Arena Independência, o Almirante venceu por 2 a 1 e voltou a comemorar uma vitória diante do Galo em Belo Horizonte após 22 anos. As redes foram balançadas duas vezes por Paulinho, que se tornou o primeiro jogador nascido nos anos 2000 a marcar no Campeonato Brasileiro. Há poucas semanas, uma outra escrita chegou ao fim. Evander e Nenê garantiram o placar favorável de 2 a 1 sobre o Santos e fizeram o Cruzmaltino voltar a vencer na Vila Belmiro após 11 anos.

- Tomara (sobre a possibilidade de quebrar mais um tabu na Arena da Baixada). Retrospectos e estatísticas servem até um certo ponto. Ali, na hora do jogo, nenhum de nós entrará em campo com a cabeça no histórico. Sabemos que o time do Atlético Paranaense é muito forte. Todas as equipes que estão brigando por uma vaga na Libertadores possuem pontos perdidos para se lamentar. Nós temos e eles também. A importância da partida é tão grande que acredito que isso não irá interferir na nossa atuação. É muito difícil fazer relação entre a realidade e dado estatistíco, mas tomara que ao final do jogo a gente possa estar falando que o tabu caiu - afirmou o técnico Zé Ricardo, em entrevista coletiva.


Os tabus mais longos quebrados pelo Vasco da Gama no Brasileirão 2017:

12/07/2017- Vitória 1 x 4 Vasco da Gama- Barradão
Gols: Kanu (contra), Thalles, Paulo Vitor e Guilherme
> Vasco não vencia o Vitória em Salvador desde 1991
> Vasco jamais havia derrotado o Vitória no Estádio Barradão
> Aos 16, Paulinho se tornou o jogador mais jovem a atuar pelo Vasco no Século 21

23/07/2017- Atlético Mineiro 1 x 2 Vasco da Gama- Arena Independência
Gols: Paulinho (2)
> Vasco não superava o Galo em Belo Horizonte desde 1995
> Paulinho se tornou o primeiro jogador nascidos nos anos 2000 a marcar no Brasileirão
> Paulinho se tornou o jogador mais jovem a balançar as redes pelo Vasco no Século 21

08/11/2017- Santos 1 x 2 Vasco da Gama- Vila Belmiro
Gols: Evander e Nenê
> Vasco não derrotava o Santos na Vila Belmiro desde 2006
> Evander marcou seu primeiro gol pela equipe profissional

As escritas que podem ser quebradas pelo Vasco da Gama diante do Atlético-PR:

> Vasco não vence o Atlético Paranaense em Curitiba desde 2007
> Vasco jamais derrotou o Atlético Paranaense na Arena da Baixada pelo Brasileiro*

*A única vitória na Arena da Baixada foi na temporada de 2007, em jogo válido pela Copa Sul-Americana

Fonte: Site oficial do Vasco