Vasco tem dia 'D' por novo técnico e mais nomes são oferecidos

05/06/2018 às 08h03 - FUTEBOL

Num processo não tão simples para encontrar um novo comandante para o elenco, o Vasco tem uma terça-feira importante pela frente. Com Jorginho como alvo preferido, o Cruz-Maltino não quer perder tempo e pretende avançar na busca por um acordo com o ex-treinador do Ceará.

Jorginho pediu demissão no último domingo, um dia depois de Zé Ricardo deixar São Januário. Desde então, passou a ser o alvo do Vasco, que não tem condições financeiras de arcar com a multa rescisória de algum treinador. O presidente Alexandre Campello, que tomou à frente na busca pelo comandante, porém, ainda não tinha entrado em contato com o técnico na segunda-feira. Por isso, a terça ganha importância diante do interesse definido.

Desde a saída de Zé Ricardo, os dirigentes do Vasco receberam diversos contatos com nomes de treinadores oferecidos, em tentativas de empresários e intermediários. O paraguaio Arce, ex-Grêmio e Palmeiras, Fabiano Soares, que passou pelo Atlético-PR no ano passado, e Argel Fucks foram alguns dos nomes que chegaram aos dirigentes vascaínos.

Livre no mercado, Jorginho deixou Fortaleza na última segunda para voltar ao Rio de Janeiro, onde vive. Mais perto do Vasco, o técnico deve ser procurado para abrir negociações. Pessoas próximas às duas partes entendem que não deve haver muitos empecilhos para que haja um acordo. Ainda não há uma reunião marcada.

A procura do Cruz-Maltino por um novo técnico está sendo conduzida pelo presidente Alexandre Campello. O diretor executivo de futebol, Paulo Pelaipe, se limitou a dizer na última segunda-feira que “quando o Vasco tiver o treinador, o presidente vai anunciar para vocês. Nós, do departamento de futebol, vamos anunciar...”.

Como jogador, Jorginho foi campeão brasileiro e da Mercosul pelo Vasco, em 2000. Foi técnico em 2015 e 2016, com 85 partidas disputadas e 43 vitórias conquistadas. Conquistou o título carioca em 2016. No Ceará, o técnico trabalhou em apenas três jogos e perdeu todas as partidas.

Fonte: GloboEsporte.com