Vasco tenta acertar pontaria contra o Joinville

Em 16/09/2016 08:16
 
NenêNenê
Foto: Paulo Fernandes/Vasco

Com apenas uma vitória nos últimos sete jogos pela Série B, o torcedor vascaíno sabe que a solução para o time dar fim à irregularidade é simples: engatar nova série de triunfos. A saída pode parecer simples, não fosse a queda de produção do ataque. Agora, para iniciar esta volta por cima nesta sexta, às 21h30, contra o Joinville, em São Januário, o técnico Jorginho quebra a cabeça para descobrir uma forma de recuperar o poder de fogo.

A oscilação vascaína coincide com a queda de rendimento do setor ofensivo. Se nas 18 primeiras rodadas a equipe fez 29 gols, nas sete seguintes só marcou oito. A média, que era de 1,6 por partida, caiu para 1,1.

— O que tem nos incomodado mais é que não estamos conseguindo jogar como antes: jogo fácil, alegre, que fluía bem. Mas nosso time tem qualidade para voltar a isso — disse o capitão Rodrigo.

Os vascaínos têm mostrado dificuldade para acertar os chutes na direção do gol. A média de finalizações certas despencou neste período. De 5,8 por jogo nas 18 primeiras rodadas, caiu para 4,1 nas sete últimas. Já as erradas seguiram o caminho contrário e subiram de 6,6 para 7,3.

Não por acaso, o ataque sofre com um revezamento: Thalles, Éderson, Leandrão e Júnior Dutra já foram testados, mas ninguém se firmou até agora. Nenê, responsável pela criação, é o artilheiro da Série B com 12 gols.