Vasco tenta amenizar pressão e quer confirmar recuperação contra o Goiás

Em 12/09/2016 08:19
 
Jogadores comemoram gol de NenêJogadores comemoram gol de Nenê
Foto: Alexandre Brum / Agência O Dia

Ganhar sem jogar bem fez o Vasco amenizar a pressão que lhe sobrecarregava os ombros pela sequência de jogos sem vitória. O resultado contra o Oeste, porém, não escondeu os mesmos problemas apresentados até então. E não haverá tempo para corrigir muita coisa, já que o time encara o Goiás amanhã.

— O mais importante é a vitória. A equipe estava organizada, mas é normal que quando haja pressão o jogador se abata. Tenho certeza que todo o crédito é para os atletas — avaliou Jorginho.

O técnico andava pressionado tanto quanto os jogadores. Com a liderança reconquistada, a expectativa agora é reeditar o bom futebol que levou o Vasco ao topo. O medo é que alguns jogadores deem sinais de desgaste.

Contra o Oeste, Jorge Henrique e Júnior Dutra sentiram problemas musculares. O treino de hoje em São Januário vai indicar quem o técnico poderá levar para a partida em Goiânia.

— Era natural que o Dutra cansasse, foi a primeira partida em que jogou o tempo todo. Ederson vinha sentindo dores, deixamos ele de fora dos treinos por dois dias. Jorge Henrique, infelizmente, foi surpresa (sentiu dor no músculo posterior da coxa) — lamentou o treinador.

A boa notícia é que Nenê voltou a jogar bem e ser decisivo. O camisa 10 está confirmado para a partida contra o Goiás. Assim como Yago Pikachu, herói de sábado.