Zagueiros citam falhas e admitem Vasco desarrumado

Em 15/10/2016 20:50
 

O vice-líder da Série B do Campeonato Brasileiro foi irreconhecível neste sábado (15), quando perdeu por 2 a 1 para o CRB. O Vasco criou pouco, sentiu os gols que tomou e não mostrou forças para correr atrás do resultado. Chamaram a atenção as falhas defensivas, e o capitão Rodrigo admite ter faltado organização.

"Costumo falar dentro do vestiário que, quando a gente sai na frente, dificilmente vamos perder. Mas quando saímos atrás acaba desarrumando e sofrendo derrotas como essa", afirma o zagueiro ao canal Sportv.

Ambos os gols do CRB foram de Zé Carlos, centroavante que mostrou bom posicionamento. O primeiro gol saiu às costas de Luan, e o segundo atrás de Rodrigo. "Estou indignado, muito triste mesmo. E difícil até falar, tentar dar alguma explicação. Particularmente venho feito jogos ruins, então agora é tentar melhorar cada dia mais", declara Luan, parceiro de Rodrigo, à Rádio Globo.

As declarações, no entanto, não se resumiram à mea culpa. Rodrigo reclamou do árbitro e apontou supostos erros. "Aqui teve uma falta que ele (árbitro) deu, poderia dar o segundo cartão amarelo e expulsar um jogador deles", queixa-se o capitão vascaíno. No lance a que ele se refere, porém, o pendurado volante Glaydson nem tocou em Nenê.