Zé Ricardo diz que foi chamado de 'maluco' por assumir o Vasco

04/12/2017 às 08h36 - FUTEBOL

O Vasco se despediu de 2017 tendo Zé Ricardo como protagonista da classificação para a Libertadores, feito que o clube não alcançava desde 2011. Ao assumir o posto após a saída de Milton Mendes, o treinador arrumou a casa, e o time subiu de produção. Realizado pela conquista da vaga, o técnico reviu sua chegada a São Januário.

Quando assumiu o Vasco, o clube vivia um momento conturbado dentro e fora das quatro linhas. Demitido pelo Flamengo no início de agosto, o treinador acertou com o clube de São Januário cerca de 20 dias depois. Quando isso aconteceu, ele admitiu que muitos ao seu redor o questionaram.

— Sabíamos que o momento era difícil. Quero destacar o trabalho do Milton Mendes e também do Valdir Bigode. Muita gente, quando recebi o convite, disse: “Você está maluco? Vai pegar um time com vários problemas políticos”. Mas tinha convicção de que podíamos fazer um bom trabalho — salientou.

Com a sensação do dever cumprido, Zé Ricardo, que também teve um ano conturbado no Flamengo, agora só quer saber de descanso. E ainda leva para casa um troféu simbólico, já que o Vasco foi um dos times de melhor campanha no segundo turno do Brasileiro.

— Fizemos com a Chapecoense as duas melhores campanhas do returno (os dois conquistaram 32 pontos). A felicidade é enorme, mas é um início de trabalho. Agora é descansar e pensar nas férias — finalizou.

Fonte: Extra