Zinho: "É pressão muito forte de todos os lados"

Em 11/09/2016 07:42
 

Mais uma vez, o Vasco não jogou bem, falhou na marcação e levou sufoco. Mas, no mais importante, foi diferente. Com um gol de Yago Pikachu aos 46 do segundo tempo, bateu o Oeste por 3 a 2 e se livrou de um jejum de vitórias que se encaminhava para a sétima partida. A volta da liderança da Série B trouxe alívio em São Januário, onde a diminuição da pressão foi celebrada.

— O Vasco é o time que todo mundo falou que já subiu. Parece até que não precisa jogar. Série B é difícil — desabafou o auxiliar Zinho, em entrevista à Rede TV:

— A gente vem de uma sequência ruim. É pressão muito forte de todos os lados. E aí vencendo por 2 a 0 deixamos empatar, a bola não entra... Vem pressão e começamos a pensar em várias coisas. Mas os jogadores não desistiram.

Com 44 pontos, os vascaínos recuperaram o topo da tabela, que havia sido perdido para o Atlético-GO. Mas a luta para se manter na frente continua já na terça, contra o Goiás, no Serra Dourada. A expectativa é que, já sem a cobrança para voltar a vencer, a equipe jogue melhor.

— A vitória traz um pouco de tranquilidade, mas a gente sabe que precisa melhorar muito. Não temos que sofrer tanto assim, principalmente dentro de casa. Temos que ajustar algumas coisas — analisou Pikachu, que saiu de campo como herói, também à Rede TV:

— O importante era voltar a vencer. A gente retomou uma liderança importante, e agora é manter até o fim.