Futebol

Trio de rebaixados em 2020 confirmou o acesso para a Série A

Vida dura para o Vasco da Gama em 2021. Com a vitória por 2 a 0 diante do Guarani, o Goiás se tornou o terceiro time a garantir vaga na Série A do ano que vem. Além do Esmeraldino, Coritiba e Botafogo também já estão confirmados no Brasileirão de 2022. Resta, portanto, uma vaga na Série A. Contudo, já é certo que ela NÃO será do Vasco. Avaí, CRB, CSA e Guarani lutam pela quarta colocação.

Sendo assim, o Cruzmaltino é a única das equipes rebaixadas em 2020 que terá de passar, ao menos, mais um ano na segunda divisão. Curiosamente, a ordem de acesso nesta Série B se deu de maneira inversa ao do rebaixamento da Série A passada. Ou seja, o Botafogo, último colocado em 2020, foi o primeiro a subir. O Fogão, aliás, já confirmou o título. Na sequência, o Coritiba, que amargou a vice-lanterna do último Brasileirão. Por fim, o Goiás, que ainda pode ultrapassar o Coxa Branca neste ano. Em 2020, porém, o time foi 18º colocado na Série A.

Quinto ano do Vasco na Série B

Os últimos 15 anos não vêm sendo fáceis para o torcedor do Vasco. Desde 2008, a equipe já foi rebaixada quatro vezes (2008, 2013, 2015 e 2020). Trata-se de um recorde — ao lado de Avaí, Coritiba e Vitória — na era dos pontos corridos do Brasileirão, que ocorre de 2003. No entanto, sempre que caiu, o Cruzmaltino conseguiu o acesso de maneira imediata. Em 2009, a equipe carioca foi campeã da Série B. Já em 2014 e 2016, bastou a terceira posição para assegurar o acesso ao Vasco da Gama.

Neste ano, contudo, a campanha foi decepcionante. Principalmente na reta final. O time é nono colocado com apenas 49 pontos. Sem vencer há sete rodadas, o Gigante da Colina enfrenta o Londrina, no Paraná, no fechamento desta edição da Série B. Ao contrário do rival Botafogo, o Vasco precisará fazer, pelo menos, mais um ‘ano extra’ na segunda divisão nacional.

Fonte: Torcedores.com