Especulações e Saídas clique aqui

Vasco leva vantagem no retrospecto contra o Goiás

18/11/2019 às 09h02 - FUTEBOL

Tentando se distanciar ainda mais do temido rebaixamento, Vasco e Goiás se encontram nesta segunda-feira (18), às 19h30 (de Brasília), em São Januário, no complemento da 33ª rodada do Brasileirão. Confiante após o triunfo sobre o CSA e a atuação apresentada contra o líder e arquirrival Flamengo, a equipe de Luxemburgo pode dar um significativo passo para consolidar sua manutenção no certame.

RETROSPECTO

De acordo com dados do site oGol, Vasco e Goiás já duelaram de forma oficial em 42 oportunidades e o Gigante da Colina leva uma ligeira vantagem. São 19 triunfos dos cariocas, 12 empates e 11 vitórias do Esmeraldino. No quesito bola na rede, os cruz-maltinos também detém superioridade: 73 a 62.

No duelo do primeiro turno do Brasileirão, o Vasco acabou vencendo pelo placar mínimo no Serra Dourada. Marcos Júnior foi o autor do tento vitorioso dos cariocas. Até então a última vez que a dupla havia se encarado na elite nacional tinha sido em 2015.

PROXIMIDADE NA TABELA

Restando 18 tentos em disputa, cariocas e goianos estão separados por apenas um tento na tabela, e vislumbram os três tentos para abrir uma frente ainda maior em relação ao temido Z4. Com 43 tentos somados, o Vasco figura na 10ª posição, dois degraus acima do Esmeraldino, que amarga duas derrotas seguidas, e a exemplo do Gigante da Colina só faturou um triunfo nos últimos cinco compromissos. Quem vencer abre uma considerável diferença para o 17º colocado, que aparece com 35 tentos.

FICHA TÉCNICA:
VASCO X GOIÁS

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 18 de novembro de 2019, segunda-feira
Hora: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (SP)
Assistentes: Victor Hugo Imazu dos Santos (PR) e Rafael Trombeta (PR)
VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)

VASCO: Fernando Miguel, Raul Cáceres, Osvaldo Henriquez, Leandro Castán e Danilo Barcelos; Richard, Raul, Freddy Guarín e Marcos Júnior (Ribamar); Marrony e Rossi
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

GOIÁS: Tadeu, Breno, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson; Gilberto, Léo Sena, Kaio e Thalles; Leandro Barcia e Papagaio (Rafael Moura)
Técnico: Ney Franco

Fonte: Torcedores.com