Abel confirma time titular contra o Boavista e reserva contra o Botafogo

23/01/2020 às 08h02 - CLUBE
Foto: Bruno MarinhoAbel Braga tem um empate e uma derrota à frente do Vasco
Abel Braga tem um empate e uma derrota à frente do Vasco

O técnico Abel Braga antecipou a programação do Vasco no que ele afirma ainda ser o período de pré-temporada do time. Depois da derrota dos reservas para a equipe sub-20 do Flamengo, nesta quarta-feira, no Maracanã, o treinador afirmou que o Cruz-maltino terá a formação titular contra o Boavista, sábado. Na partida seguinte, contra a Cabofriense, dia 30, novamente virá com os titulares em campo. Por causa da estreia do Vasco na Sul-Americana, poupará os jogadores no clássico contra o Botafogo.

A equipe jogará pela competição internacional dia 5, contra o Oriente Petrolero, da Bolívia. Antes, dia 2, jogará contra o Botafogo, no Nilton Santos.

- Estou ainda em pré-temporada. Basta ver o que o Botafogo está fazendo, ainda em pré-temporada. Nossos titulares trabalharam em dois períodos nesta quarta. Enfrentamos um adversário que ganhou tudo ano passado, com coletivo muito bom. Fomos excepcionais até os 30 minutos do primeiro tempo. Nossa preocupação é com o grupo que nós temos, queremos colocá-lo da melhor maneira possível - afirmou Abel Braga.

O treinador se disse feliz com o desempenho de alguns jogadores que foram testados contra o Flamengo. O único que revelou o nome foi Juninho:

- Alguns jogadores me deixaram muito satisfeito. Tivemos dois, três jogadores que responderam presente para mim. Isso é muito bom. Os garotos tentaram, teve uma hora que não deu. Foi o primeiro jogo do Juninho no profissional. Você acredita? Me lembrou muito o Wendel, quando lancei no Fluminense. Com uma pegada um pouco mais forte. Quem sabe um deles aparecem no time titular sábado.

Confira outros tópicos da entrevista:

Time titular

Vi o Vasco terminar ano passado de uma maneira, uma equipe sólida, que jogava retraída. Mas daquela equipe não tenho quatro titulares: Rossi, Guarín, Henríquez e Richard. Mas eu vi coisa boa contra o Flamengo, sem dúvida.

Avaliação do elenco

Temos mais opções que eu pensava. Vi os garotos jogando muito bem. Os 30 minutos foram muito bons. O jogo valeu também por isso. Daqui a pouco a coisa começa a ficar à vera, vai apertando. Não posso abrir mão do que projetamos.

Análise do jogo

Poderíamos ter feito o gol antes deles. Gostei da garotada, eles encararam bem. Depois erraram, a defesa do Flamengo jogava bem alta e os jogadores erraram os lançamentos. Quantas bolas foram nas mãos do goleiro deles? Nos primeiros 30 minutos, amassamos. É assim que se fala.

Dificuldades

Temos de ter essa consciência. O torcedor sabe, tem ciência do momento que vive o clube. Em qualquer situação. Mas não podemos fugir. Temos um grupo curto. Com esses que puxei da Copa São Paulo, um grupo de 70% de meninos. Para ele se desenvolver, precisa de uma retaguarda legal, dos mais experientes. Não podemos, não passa pela minha cabeça perder um cara desses, mais experientes. Seria muito ruim para a equipe. Eles precisam jogar, mas não estão preparados ainda. Peço ao torcedor que ele tenha calma.

Lucas Santos

Hoje ele fez a função de um dez, de um meia. Atacantes eram dois, abrindo entre os laterais e os centrais, com um losango formado por Andrey, Juninho e Marcos Júnior. Ele foi bem, depois caiu um pouco.

Contratações

Sabemos o que está acontecendo. Não podemos errar. Isso é muito ruim, tem de pensar muito, ver o comportamento do jogador. Se não for diferente, não joga. Temos de pesar tanta coisa. Dois ou três, até começar o Brasileiro, devem vir.

Fonte: Extra Online