Abel fala sobre atrasados, empate, Werley, Vinicius e Benítez

08/03/2020 às 19h57 - CLUBE

Abel: "Não conversei com ele (Campello). Conversei com o Mazzucco. Problema nenhum se tiver que falar. Normal. Está todo mundo no mesmo barco. A situação está complicada para todo mundo. Quem sofre mais com isso é o torcedor. A razão de ser é a torcida, como de todo grande clube"

Abel: "Os jogadores trabalham muito bem. Em momento algum fizeram uma cobrança. Mas, claro, todos sabem dos problemas desde o ano passado. O presidente terá uma conversa na terça-feira com o grupo. Mas não é desculpa. Jogador entra em campo e não pode lembrar de mais nada"

Abel: "Tivemos hoje algumas oportunidades bem claras. Uma situação de um jogador ter a bola dominada, com o goleiro, e não fizemos. Está faltando o gol para ter uma tranquilidade maior. É uma média baixa. Não estamos sendo felizes na tomada de decisão e vem a vaia. Chateia todos"

Abel: "O Werley jogou no sacrifício, tem estado muito bem. O Vinícius endureceu novamente, correu muito na quinta. É desagradável jogar com tão pouco tempo, não é desculpa, mas é um fato"

Abel, sobre o jogo de quinta: "Martín (Benítez) não acredito. Ele teve uma contusão contra o Fortaleza, no último jogo pelo Independiente. Ainda está treinando aquecimento separado. Vamos ver como vai reagir o Guarín, que foi veado hoje. Vamos ser se recupera até quinta"

Fonte: Twitter da jornalista Luiza Sá / Lancenet