Clube

Aguardando um avanço no projeto SAF, Vasco enfrenta o Cruzeiro no Maracanã

Vasco e Cruzeiro se encaram neste domingo, no Maracanã, às 16h (de Brasília), pela Série B do Campeonato Brasileiro, em um duelo que coloca em lados opostos clubes que enxergaram a mesma saída para uma profunda crise. Enquanto o Cruzmaltino caminha a passos largos para se transformar em SAF em breve, os mineiros vivem tal experiência desde o início da temporada. Em campo, o elenco celeste ocupa a liderança, enquanto o da Colina está no G4 e quer se manter na briga no primeiro pelotão em meio à busca por um novo técnico.

O Vasco está com 21 pontos e busca o triunfo para diminuir a distância justamente para o líder Cruzeiro, que tem 28. A partida será no Maracanã após um pedido do Vasco à CBF, sob a alegação das altas demandas por ingressos que aconteceram nos últimos jogos em casa.

O Cruzmaltino e a Raposa fazem parte do rol de grandes instituições que não conseguiram alcançar o acesso no ano seguinte à queda —os cariocas estão na segunda temporada consecutiva na Série B, enquanto os mineiros estão na terceira. Diante de uma grave crise financeira e buscando consequentes resultados esportivos, aproveitaram a lei da SAF para atrair investimentos para o departamento de futebol.

O Vasco tem negociações avançadas com a 777 Partners, que deseja adquirir 70% das ações da futura SAF por R$ 700 milhões. Uma reunião no fim do mês passado entre a diretoria do clube e executivos da empresa definiu os pilares do acordo e há a expectativa de que a proposta-vinculante chegue nos próximos dias.

A partir daí, o clube dará início ao processo interno para a aprovação, com os documentos sendo entregues ao Conselho Deliberativo e Conselho de Beneméritos para emitirem pareceres. Posteriormente, vai a votação.

O assunto, porém, já gerou atritos dentro dos muros de São Januário. Recentemente, um grupo de vice-presidentes enviou uma carta ao presidente Jorge Salgado pedindo maior participação no trâmite. Após o documento, foram marcadas reuniões com a KPMG (empresa que presta assessoria e consultoria para o Vasco na negociação com a 777) e alguns assuntos foram alinhados.

Ainda nesta trajetória, o Cruzeiro foi responsável por um alerta em São Januário. Em março, a revelação de tópicos do contrato com Ronaldo para a criação da SAF, com detalhamento de valores diferentes de como vinha sendo anunciado, chamou a atenção de conselheiros cruzmaltinos.

À época, em entrevista a Rodrigo Mattos, colunista do UOL Esporte, Jorge Salgado garantiu que o contrato do Vasco é diferente do clube mineiro e que o dinheiro é "carimbado".

"Eles [777 Partners] não vão a mercado para pegar dinheiro para o Vasco. Já estão com esse dinheiro pronto para entrar no Vasco", disse em um trecho da entrevista.

Sucesso inicial

Enquanto o Vasco discute os termos para fechar o contrato com a 777, o Cruzeiro é o caso mais bem-sucedido de SAF no futebol brasileiro, pelo menos nesses primeiros meses. A gestão de Ronaldo provocou uma total reformulação dentro do clube mineiro, desde funcionários, diretores e, principalmente, o futebol. São apenas cinco atletas remanescentes da temporada passada, uma nova comissão técnica e em junho os resultados esportivos já são superiores a todo 2021.

O líder isolado da Série B, com larga vantagem sobre o Grêmio, que é o primeiro time fora da zona de acesso, também foi bem no Campeonato Mineiro e faz boa campanha na Copa do Brasil. O título estadual não foi para a Toca da Raposa, mas a equipe estrelada voltou à final, após dois anos ausentes. Já na Copa do Brasil, também após duas temporadas de eliminações nas fases iniciais, o Cruzeiro está novamente nas oitavas de final. São 21 vitórias em 29 partidas disputadas, o mesmo número de triunfos que teve em 2020, mas em 54 partidas, e são três a mais do que no ano passado inteiro.

O sucesso dentro de campo está diretamente ligado ao projeto traçado e executado por Ronaldo e sua equipe. O orçamento de 2022 foi reduzido de R$ 90 milhões para apenas R$ 35 milhões, o que fez a folha salarial ficar abaixo dos R$ 2 milhões por mês, mas com pagamentos em dia. Desde que Ronaldo assumiu o controle do futebol cruzeirense, em dezembro do ano passado, não há relatos de atrasos nos salários. A aposta é num time ofensivo, que gosta de ter a posse de bola, motivo pelo qual o técnico Paulo Pezzolano foi escolhido para comandar a equipe. Pode faltar técnica, mas não falta organização tática e sobra vontade a cada disputa de bola.

777 fez oferta pelo Cruzeiro

Antes de procurar o Vasco, a 777 fez uma oferta de compra pela SAF do Cruzeiro. No entanto, o negócio não foi adiante, já que uma das exigências era a redução da dívida do clube em 70%. Por isso, apesar de fazer uma oferta superior à que fez Ronaldo, a diretoria cruzeirense e a XP Investimentos, que intermediou a conversa, optaram por fechar com o Fenômeno.

Ronaldo comprou 90% da SAF cruzeirense por R$ 50 milhões, e, posteriormente, assumiu cerca de R$ 200 milhões em dívidas tributárias e fiscais, mas pegando as Tocas da Raposa I e II como garantia. A oferta apresentada pela 777 foi de R$ 250 milhões por 70% da SAF, além do pagamento da dívida em até dois anos, desde que valor que atualmente acima de R$ 1 bilhão fosse reduzido em até 80%, o que tornou a operação inviável.

Vasco procura técnico

O Vasco vai a campo ainda sob o comando de Emílio Faro, que está à frente do time de forma interina após Zé Ricardo pedir demissão. A diretoria do clube vem analisando o mercado e também conversa com a 777 para chegar a um nome com as características indicadas como ideias para o momento.

FICHA TÉCNICA
VASCO X CRUZEIRO

Competição: Campeonato Brasileiro Série B
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Dia: 12 de Junho de 2022, domingo
Horário: 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (FIFA / RS)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (FIFA / RS) e Michael Stanislau (RS)
VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (RN)

VASCO: Thiago Rodrigues; Gabriel Dias, Quintero, Anderson Conceição e Edimar; Yuri, Matheus Barbosa (Juninho), Nenê; Gabriel Pec, Figueiredo e Getúlio. Técnico: Emílio Faro (interino)

CRUZEIRO: Rafael Cabral, Geovane Jesus, Oliveira e Zé Ivaldo; Leo Pais, Willian Oliveira, Neto Moura, Fernando Canesin (Rafa Silva) e Matheus Bidu; Jajá e Edu. Técnico: Paulo Pezzolano.

Fonte: UOL Esporte
  • Domingo, 03/07/2022 às 16h00
    Vasco Vasco 0
    Sport Sport 0
    Campeonato Brasileiro - Série B Maracanã
  • Sábado, 09/07/2022 às 16h30
    Vasco Vasco
    Criciúma Criciúma
    Campeonato Brasileiro - Série B Heriberto Hulse
  • Sábado, 16/07/2022 às 16h30
    Vasco Vasco
    Sampaio Corrêa Sampaio Corrêa
    Campeonato Brasileiro - Série B Castelão-MA
  • Terça-feira, 19/07/2022 às 19h00
    Vasco Vasco
    Ituano Ituano
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário
  • Sábado, 23/07/2022 às 16h30
    Vasco Vasco
    Vila Nova Vila Nova
    Campeonato Brasileiro - Série B Serra Dourada
  • Quinta-feira, 28/07/2022 às 19h00
    Vasco Vasco
    CRB CRB
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário
  • Domingo, 31/07/2022 às 16h00
    Vasco Vasco
    Chapecoense Chapecoense
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário