Alexandre Faria comenta renovações e faz mistério sobre reforços

19/12/2018 às 13h35 - FUTEBOL

O diretor executivo de futebol do Vasco, Alexandre Faria, é um autêntico mineiro. De fala mansa, costuma comer pelas beiradas e não abre o jogo quando o assunto são contratações. No entato o dirigente justificou a postura afirmando que qualquer declaração pode atrapalhar a negociação.

“Costumo dizer que eu não gosto de colocar data para não ficar refém dela. Temos a favor a camisa do Vasco, mas não conseguimos fazer grandes investimentos. Então a gente tem que ser bastante criativo para negociar sem o pagamento dos direitos e isso demanda mais tempo. Qualquer coisa que a gente fale se tratando de negociação, só atrapalha. Surge uma notícia, aparece clubes interessados e isso dificulta. O que eu posso dizer é que o time vai ser bem mais competitivo”.

Com a saída de Martin Silva para o Libertad-PAR, diversos goleiros foram oferecidos ao Vasco. Entretanto, Alexandre Faria afirmou que a contratação de um jogador para a posição está sendo avaliada.

“Goleiro de nome e de peso nós já temos, que é o Fernando Miguel. A questão do Martin Silva é o respeito ao ídolo. Ele recebeu uma proposta muito boa para ele. É um jogador de 35 anos. A negociação demorou porque tinha que ser boa para os dois lados. Estamos muito satisfeitos com o Fernando Miguel. Tenho certeza que começaremos o ano com um goleiro de muita qualidade e temos atletas na base de qualidade. Além do Jordi, temos o Lucão, convocado recentemente para a Seleção Brasileira. Então muitos atletas foram oferecidos e estamos analisando essa reposição do Martin Silva”.

Permanência de Luiz Gustavo segue incerta

Um dos jogadores que se destacaram pelo Vasco na temporada pode não permanecer. Vasco e Luiz Gustavo ainda estão em busca de um acordo financeiro para a renovação do contrato. De acordo com Alexandre Faria a negociação está parada no momento.

“A gente iniciou uma conversa e foi feita uma proposta para ele. A contra-proposta foi um pouco acima do que a gente entende para o momento do Vasco. Nesse momento a negociação está parada porque a diferença ainda está um pouco grande”.

O diretor de futebol fez questão de não polemizar em relação a pedida salarial do polivalente defensor. Para Faria, Luiz Gustavo está pedindo o que acha que merece.

“Repito, o Luiz Gustavo foi um jogador fundamental para nós esse ano. Jogou várias vezes sentindo dores. Não estou aqui dizendo que o atleta pediu muito. Ele pediu o que achou ser merecedor, só que o Vasco entende que precisa negociar um pouco mais”.

Marcelo Mattos e Bruno Silva vão renovar

Se a renovação de Luiz Gustavo segue sendo uma incógnita, Marcelo Mattos e Bruno Silva vão permanecer. Alexandre Faria confirmou que os dois terão os contratos renovados até o fim de abril.

“Marcelo Mattos fica com a gente até o fim do estadual. A partir disso vamos avaliar a condição clínica dele. Bruno Silva é o mesmo caso. Também fica com a gente até o final de abril, mas segue em tratamento de uma fratura”.

Marcelo Mattos não atua desde setembro de 2016 por conta de inúmeros problemas no joelho direito. Apesar de todo o tempo de inatividade, essa será a terceira renovação dentro desse período. No entanto não está confirmado na pré-temporada. Já Bruno Silva, que fraturou o quinto metatarso do pé direito, deve estar à disposição em janeiro.

Guilherme Costa será avaliado; Thalles deve ser emprestado novamente

Em janeiro, o Vasco vai contar com o retorno de quatro jogadores que estavam emprestados. São eles, Guilherme Costa (Vitória), Thalles (Albirex Niigata-JAP), Jomar (Oeste-SP) e Gabriel Félix (Fortaleza). Nenhum conseguiu ter grande destaque nos seus respectivos clubes. Por conta disso, Alexandre Faria afirmou que apenas Guilherme Costa pode ganhar uma oportunidade.

“Já decidimos que o Guilherme Costa fica com a gente. Ele vai ser avaliado na pré-temporada. Os outros atletas a gente tem proposta para reempréstimo e estamos avaliando a partir das chegadas (reforços) que acontecerão”.

Henrique prestigiado

Com o lateral-esquerdo Danilo Barcelos bem próximo de ser anunciado, Henrique pode perder espaço na equipe. O jogador substituiu Ramon durante todo o momento em que o jogador esteve no departamento médico, porém não conta com muito prestígio junto ao torcedor. Apesar disso, Alexandre Faria descartou qualquer chance de negociar o lateral.

“Empréstimo do Henrique? Chance zero. Mesmo que chegue outro atleta para a posição o Henrique fica no grupo. Ele é um jogador que a gente confia muito. O Ramon só vai ter condições de jogar depois do Carioca, então a chance do Henrique sair é zero”.

Henrique é cria do Vasco e contribuiu com cinco assistências na temporada. O jogador chegou a despertar interesse de alguns clubes da Série B.

Fonte: Twitter do jornalista Joel Silva/Rede Mais Esportes