Alexandre Faria fala da sua linha de trabalho no Vasco

25/06/2018 às 11h51 - FUTEBOL

Austeridade financeira e valorização da base. É assim que Alexandre Faria irá trabalhar no Vasco. Apresentado nesta segunda-feira como novo diretor de futebol do clube, o profissional manteve discurso sóbrio para falar das perspectivas do Cruz-Maltino na temporada, mas afirmou que já está mapeando reforços para o elenco.

Antes de tratar do mercado, porém, Faria deixou claro que precisa reestruturar o departamento de futebol do clube.

- Sobre metas, na conversa que tive com Campello, conversamos sobre a engrenagem do Vasco que funciona bem. Primeira coisa é a organização do departamento, condições de trabalho no CT. Vamos trabalhar para que tenham a melhor estrutura. O Vasco tem uma estrutura maravilhosa em São Januário, Com os acordos para os CTs do profissional e base, vamos colocar nosso dedo lá para oferecer melhores condições.

Segunda coisa é a austeridade financeira. Qualquer jogador quer atuar no Vasco. Isso é um valor agregado. Vamos trabalhar para trazer os melhores sem extrapolar o orçamento apresentado. O terceiro é o fortalecimento da categoria de base, que é o que mais me encanta.

Como novo executivo do futebol, Faria irá se reportar ao comitê gestor do Vasco, criado pelo presidente Alexandre Campello em junho.

- Sou funcionário. Vou trabalhar dentro da minha ética. Questão política está acima de mim. Minha função é trabalhar pelo futebol do clube - disse Faria.

Confira outros tópicos da coletiva:

Reforços

Já conversamos sobre nomes que o clube vinha trabalhando. Vamos tratar internamente. Todos querem jogar no Vasco. Mas já existe esse mapeamento.

Confiança no elenco

Eu assisti ao jogo contra o Sport e Inter. Vi um time querendo, isso é um primeiro passo. PC e Jorginho dispensam comentários. Isso me deu mais vontade ainda. Vamos ter um tempo, já está tudo alinhado para a intertemporada. Já trabalhei com alguns atletas.

Fonte: GloboEsporte.com

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario