Alexandre Faria faz novas críticas ao árbitro de Corinthians x Vasco

19/11/2018 às 20h34 - FUTEBOL

O Vasco segue na luta para tentar fugir do rebaixamento no Campeonato Brasileiro. No entanto, ainda não sai da memória dos cruzmaltinos a arbitragem de Wilton Pereira de Sampaio, que deixou de marcar um pênalti a favor dos cariocas na derrota por 1 a 0 contra o Corinthians, no último sábado (17 de novembro).

Em entrevista exclusiva ao programa FOX Sports Rádio, o diretor executivo de futebol do Cruzmaltino, Alexandre Faria, criticou o pouco intervalo de tempo em que Wilton Pereira apitou partidas do Brasileirão.

“Primeiro, o Wilton ser escalado para um jogo dessa importância menos de 48 horas depois de ter apitado Internacional e América-MG, em Porto Alegre, já acho que é uma falta de cuidado total. Em segundo, o Palmeiras reclamou da arbitragem de forma veemente, em que se sentiu prejudicado, jogo seguinte ele foi escalado. O Wilton deu um pênalti em um lance do Dracena, cometido pelo Adílson, que foi um pênalti, na minha visão, menos claro que o do Marrony. Ele está de frente para o lance e não deu o pênalti. Avaliar o lance do Kelvin pode ser um pouco mais difícil, se foi dentro ou fora da área, mas ele não dar a falta é difícil de entender”, disse.

O dirigente ainda criticou duramente o árbitro da partida entre Vasco e Corinthians, afirmando que o fato do jogo ser na casa do Alvinegro paulista interferiu nas decisões tomadas por Wilton.

“O que incomoda a gente é a forma como o Wilton conduziu o jogo, a falta de coragem para apitar lances na Arena Corinthians. Foram pontos importantes que o Vasco perdeu. No segundo tempo, só o Vasco jogou bola e decidido por erros de arbitragem. Não é justo o Vasco ser punido”, completou Alexandre Faria.

O cartola ainda encerrou, relembrando outro lance polêmico que envolveu Wilton e Vasco, desta vez contra o Sport Recife, na Ilha do Retiro. No jogo, o Cruzmaltino também foi derrotado por 1 a 0.

“É o mesmo árbitro, que no último lance contra o Sport, não deu um pênalti no Giovanni Augusto. O árbitro que fica na linha de fundo, que está ali só para isso, não deu o pênalti. Nós vamos lutar, vamos escapar, mas vamos continuar falando. O Vasco não vai se calar”, afirmou o cartola.

O Vasco volta a campo na próxima quinta-feira (22 de novembro), quando enfrenta o São Paulo, em São Januário. O time da ‘Colina Histórica’ está com 39 pontos conquistados, apenas dois acima do América-MG, primeiro clube na zona do rebaixamento.

Foto: Foto: Paulo Fernandes / Vasco Alexandre Faria e Alexandre Campello definem os rumos do futebol sem o comitê gestor
Alexandre Faria e Alexandre Campello definem os rumos do futebol sem o comitê gestor

Fonte: Fox Sports

Especulação

Especulado

Você aprova a contratação de Sornoza?

Especulações Mercado