Aliados de Brant se reúnem para discutir convites de Alexandre Campello

11/05/2018 às 08h06 - FUTEBOL

O presidente Alexandre Campello segue esperando uma resposta dos conselheiros que convidou para as pastas que estão sem vice-presidentes (ao todo, são 13, desde o último sábado). A sexta-feira pode ser decisiva em quatro departamentos do Vasco: finanças, relações públicas, patrimônio e relações especializadas.

Da Cruzada, Campello chamou João Marcos Amorim para a vice-presidência de finanças e João Ernesto para a de relações especializadas. Luiz Gustavo Jassus, o "Mussinha", da Vascão Gigante, foi chamado para ser vice de relações públicas, enquanto Rodrigo Saavedra, da PetroVasco, foi convidado para a pasta de patrimônio. Todos eles são ligados à Sempre Vasco.

Nesta sexta-feira, os líderes dos grupos aliados à chapa de Julio Brant vão se reunir para sacramentar os próximos passos, se aceitarão ou não os convites de Campello.

O caso mais delicado é o de João Marcos Amorim. A Cruzada entende que a pasta de finanças é estratégica e de muita importância para o Vasco, principalmente por envolver questões financeiras. A chapa está, inclusive, consultando advogados antes de aceitar ou recusar o convite e estudando com cuidado as possibilidades.

Aliados da Sempre Vasco acreditam que nesta sexta-feira haverá definições para todos os casos pendentes.

No último sábado, 13 vice-presidentes abriram mão de seus cargos e deixaram o Cruz-Maltino. Apenas Bruno Maia (marketing), Rogério Mendes (jurídico) e José Pinto Monteiro (social), todos ligados a Alexandre Campello, seguiram no clube.

Fonte: GloboEsporte.com

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario