Futebol

Análise: Náutico será um adversário difícil para o Vasco

Neste domingo, o Vasco recebe o Náutico pela 12ª rodada da série B. Após empatar com o Coritiba fora de casa, o objetivo é vencer em casa e manter a boa sequência em São Januário. A missão não deve ser fácil. Por que? Vamos analisar rapidamente o Timbu e descobrir.

Situação atual:

Tem sido uma ótima temporada para o clube pernambucano. A equipe foi campeã estadual em cima do Sport e o início de série B é o melhor da história na competição. O Náutico é o líder isolado, com 25 pontos em 11 jogos, e pode alcançar uma marca história aqui no Rio caso não saia derrotado: a maior invencibilidade de um time na série B em pontos corridos. O momento por lá é bom!

Como joga:

O técnico Hélio dos Anjos tinha um esquema muito bem definido até a saída do ótimo ponta Erick. Após isso, a equipe tem variado na sua forma de jogar. Em alguns momentos, a preferência é por um 4-3-3 com 3 volantes, reforçando a marcação e povoando mais o setor do meio de campo. Quando a opção é por um jogo mais ofensivo, o esquema costuma ser o 4-2-3-1. Mesmo assim, é um time que não abre mão de algumas ideias, como uma saída de bola apoiada, pressão pós perda da posse de bola e a rapidez nas transições.

Pontos fortes:

O conjunto é muito ajustado e tem peças individuais que resolvem. Isso faz com que o Timbu tenha muitas formas de ameaçar seu adversário. Jean Carlos e os zagueiros altos fazem com que a bola parada seja perigosa, Marciel tem o chute de longa distância como virtude, Kieza e Vinicius Paiva tem noção de posicionamento dentro da área. É uma equipe de muitas variantes e que dispõe de boas opções para finalizar e marcar.

Pontos fracos:

Após a perda de Wagner Leonardo (estava emprestado pelo Santos, que solicitou seu retorno), o sistema defensivo vem passando por alguns problemas. Os zagueiros que tem jogado não possuem as mesmas características que davam a mesma solidez defensiva ao Náutico – a rapidez e a qualidade na saída. O Vasco pode se dar muito bem apertando a saída de bola do adversário e explorando lançamentos longos para a velocidade de seus pontas.

Destaques:

Jean Carlos, o 10 da equipe, provavelmente é o melhor jogador da competição até aqui. Canhoto, de bom passe e bom chute, é quem cadencia o ritmo do jogo, acelera quando precisa com passes certeiros e sempre que possível, arrisca a finalização. Não à toa já foi sondado por outros clubes, inclusive da série A. O volante Marciel e o zagueiro Camutanga também são bons nomes do Náutico.

Resumindo:

Atualmente, quem está jogando o melhor futebol da série B é o Náutico. É o líder, está invicto e vive um momento ótimo, mesmo com as recentes perdas no elenco. Carece de alguns ajustes, mas esse início indica que o time pernambucano deve subir. O Vasco precisa jogar mais do que está jogando para superar o Timbu – ou contar novamente com a eficiência de Germán Cano, uma tarde inspirada de Vanderlei e uma partida segura da dupla de zaga. Jogo difícil, mas é uma boa oportunidade de se impor e mostrar que é, de fato, candidato ao título e ao acesso.

Por Hernandes

Fonte: Twitter Análise Vasco
Loading...
  • Quarta-feira, 21/07/2021 às 21h30
    Vasco Vasco 2
    CSA CSA 2
    Campeonato Brasileiro - Série B Rei Pelé
  • Sábado, 24/07/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Guarani Guarani
    Campeonato Brasileiro - Série B São Januário
  • Quarta-feira, 28/07/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Copa do Brasil Morumbi
  • Sábado, 31/07/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Campeonato Brasileiro - Série B Nilton Santos
  • Quarta-feira, 04/08/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Copa do Brasil São Januário
  • Sábado, 07/08/2021 às 19h30
    Vasco Vasco
    Vitória Vitória
    Campeonato Brasileiro - Série B Barradão
  • A definir
    Vasco Vasco
    Vila Nova Vila Nova
    Campeonato Brasileiro - Série B A definir