Análise tática do Vasco contra o Boavista

02/03/2019 às 19h35 - CLUBE

1° tempo de jogo:

Saída de bola funciona. Lucas e Galhardo participam ativamente do início da construção. Tem espaço para trabalhar até o último terço. Mas aí, vê seus pontas bem marcados e esbarra na pouca criatividade dos homens de frente. Da pra melhorar com as mesmas peças. @analisevasco

Defensivamente, a equipe está organizada, mas dá mais espaços que o normal, o que é esperado. Mas a parte ofensiva não esta compensando o risco. Danilo volta a demonstrar sua deficiência defensiva e Marrony apesar de recompor, tambem comete falhas na marcação. @analisevasco.

Bruno Cesar tem boa apresentação, apesar de pouco destaque, Faz o jogo fluir mesmo sem criar grandes chances. Vasco novamente mostra força na bola parada. Por @analisevasco.

Pontas podem jogar invertidos nesse segundo tempo, pode ajudar a criar corredor para os laterais. Assim, alem de fugirem da boa marcaçao, ainda dialogam mais com BC no meio, que está muito dependente da subida de Lucas Mineiro para criar. Por @analisevasco.


2° tempo de jogo:

Bruno César: Fluidez ao jogo, dinâmica e boa capacidade de passe-chave (mas não força o tempo todo). A parte física ainda precisa melhorar, mas a evolução é muito grande. Se conseguir intensidade (com a bola) constante, será altamente decisivo. Por @analisevasco.

Valentim tem feito o que pedimos há anos no Carioca: Pré temporada maior pros experientes; Testes durante a competição; Chance pra base; Rodízio no elenco; Além disso, tem sempre estratégia bem definida, e conta com algumas alternativas durante as partidas. @analisevasco.

A "inovaçao" do Valentim foi válida, pode ser alternativa durante a temporada. Mas não deve ser mantida. Longe de ser um fracasso, mas o risco não foi compensado ofensivamente. Um dos pilares da equipe esse ano é a segurança defensiva, que foi abalada nesse jogo. @analisevasco

Lucas Mineiro: Mais uma boa partida, mesmo jogando numa posição diferente. Não acredito que deva ser mantido por ali, ele mais à frente potencializa a equipe. Mas se desligou em alguns momentos" perdendo bolas importantes, mas manteve destaque. Por @analisevasco.

Rossi: O esperado: velocidade, garra, verticalidade e busca servir o centroavante. Tem limitações, mas encorpa o elenco.

Tiago Reis Muito importante ter estreado. Tira um peso, e ainda quase marcou na sua característica mais marcante: a diagonal curta - como destacamos durante a Copinha. Por @analisevasco.

 

Fonte: Twitter Análise Vasco