Após desabafo, Castan recebe apoio de torcedores, companheiros e familiares

11/10/2020 às 18h03 - FUTEBOL

Na noite deste sábado (10), Vasco e Flamengo se enfrentaram nem São Januário. No primeiro tempo, a equipe comandada por Alexandre Grasseli pressionou, criou boas oportunidades e abriu o placar com Talles Magno após uma bela jogada individual de Cayo Tenório. Na segunda etapa, Léo Pereira e Bruno Henrique empataram pro rival rubro-negro. 

A torcida do Vasco já perdeu a paciência com alguns jogadores, como Bastos, Pikachu e Ribamar. O time não vive boa fase e também caiu de rendimento coletivamente. Leandro Castan, líder do elenco vascaíno, se pronunciou nas redes sociais e disse que vive a pior semana no clube. O zagueiro reconheceu a fase ruim e ao afirmar que sente vergonha pelo momento no Cruz-Maltino. A declaração repercutiu na web.

“Perdemos nosso treinador, perdemos nossa confiança. Precisamos e devemos continuar dando nosso melhor para as coisas voltarem como eram no início do campeonato. Ao torcedor que sempre nos apoia, o sentimento é de vergonha, mas vamos continuar lutando”, escreveu. Como resposta, Leandro Castan recebeu diversas mensagens de apoio vindas de torcedores, companheiros de time e familiares.

Com o resultado, o Vasco não vence o clássico contra o Flamengo desde abril de 2016, quando fez 2 a 0 pelo Campeonato Carioca. Desde então, foram 16 jogos, com sete vitórias rubro-negras e nove empates. O Gigante da Colina também chegou aos sete jogos seguidos sem triunfo, com cinco derrotas e dois empates. A última vitória foi sobre o Botafogo em 13 de setembro. 

 

O time está na décima colocação da Série A no momento, com 18 pontos. Leandro Castan pertencia à Roma e estava emprestado ao Cagliari. O zagueiro chegou ao Rio de Janeiro para assinar com o Vasco em 2018. Ele estava no futebol europeu desde a temporada 2012/2013, após conquistar a Libertadores da América pelo Corinthians sendo um dos principais destaques.

Fonte: Bolavip