Após período conturbado, Maxi López dá volta por cima no Vasco

19/10/2018 às 08h04 - FUTEBOL

Seja em um almoço pomposo no tradicional e luxuoso Copacabana Palace ou em um fim de tarde na sossegada praia de Grumari, Maxi López deixa claro que se sente cada vez mais à vontade no Rio de Janeiro. Ícone do Vasco mesmo com pouco tempo de clube, o argentino tem desfrutado do luxo à natureza em seus momentos de folga, principalmente quando tem a companhia de sua namorada, a modelo sueca Daniela Christiansson.

Com apenas três de meses de clube, o atacante não só já conseguiu obter o carinho dos vascaínos com seu espírito de liderança e seus cinco gols e quatro assistências em 12 jogos, como fez questão de absorver um pouco da cultura do país e da "Cidade Maravilhosa".

Amante da alta gastronomia, quando não está no famoso hotel de Copacabana, conhecido por hospedar astros mundiais da TV e da música, costuma bater ponto nos renomados restaurantes do shopping "Village Mall", na Barra da Tijuca, ou do bairro do Leblon, onde se concentrada a maior renda per capita do Rio.

Em uma das visitas de sua namorada – que segue morando na Europa exercendo seus trabalhos – Maxi, por exemplo, aproveitou os dois dias de folga no Vasco após o clássico com o Flamengo, alugou um helicóptero, sobrevoou as conhecidas belezas naturais da cidade e se mandou para Angra dos Reis (RJ), onde famosos buscam momentos de paz como Neymar, por exemplo, que possui residência no local. Por lá, ficou no hotel cinco estrelas da grife "Fasano", inaugurado em dezembro de 2017.

Com uma confortável moradia na Barra da Tijuca (RJ), Maxi López também já fez questão de conhecer as praias daquela região, incluindo as mais distantes e pacatas "Macumba", "Prainha" e "Grumari", muito frequentada por surfistas e com rica natureza.

Mesmo com o time ainda em situação perigosa no Campeonato Brasileiro, o argentino não se furta dos momentos de lazer, algo que deixou claro antes do duelo com o Flamengo, quando o time já não atravessava um período bom:

"Não vencemos os últimos jogos, e sabemos como funciona aqui no Brasil e na Argentina, mas continuo levando a minha vida normal com minha família. A pressão... eu gosto da pressão. Nos momentos ruins que vemos quem são os caras, quem são os guerreiros".

Volta por cima fora de campo

A boa adaptação de Maxi López ao Rio de Janeiro representa também uma nova fase em sua vida pessoal. Ao deixar a Itália, ele "virou a página" do conturbado relacionamento com a modelo argentina Wanda Nara, que pediu divórcio em 2013 para ficar com o atacante Mauro Icardi, seu ex-companheiro de Sampdoria. Hoje na Internazionale, Icardi vive em Milão com a ex-mulher e os três filhos de Maxi López - ele chegou a fazer uma tatuagem dos enteados, só para aumentar a polêmica.

"Esta foi a decisão mais difícil da minha vida futebolística e pessoal. É uma coisa importante, deixei minha família toda na Itália", comentou Maxi em sua apresentação no Vasco, fazendo menção aos filhos Valentino, Benedicto e Constantino, que ficaram com Wanda. A "guerra fria" travada entre os dois vai muito além da guarda das criança e das acusações mútuas de traição.

Wanda Nara já foi condenada a pagar indenização a Maxi por descumprir a determinação judicial de não expor os filhos e o ex-marido na mídia. Logo depois da chegada dele ao Vasco, ela insinuou no Instagram que não recebia pensão, e o vascaíno rebateu: "150 mil euros por ano para tomar a sopa e continua comendo o ossobuco à milanesa". No último capítulo desta novela, os advogados de Maxi pediram a prisão de Wanda por divulgar os contatos do jogador em suas redes sociais. No Rio, apesar da saudade dos herdeiros, o atacante fica mais distante de toda essa polêmica, e os resultados aparecem em campo.

Fã dos memes brasileiros

Maxi López tem ficado cada vez mais ativo nas redes sociais e tem se divertido com isso. Sua nova moda é reproduzir os memes que os criativos internautas vascaínos publicam na internet.

Um dos primeiros fatos que caíram nas graças dos cruzmaltinos foram os vídeos de suas dancinhas nos vestiários dos tempos em que estava defendendo clubes europeus. Rapidamente eles passaram a ser utilizados para expressar a felicidade dos cruzmaltinos após uma vitória.

O argentino entrou na brincadeira e fez ele próprio uma postagem deste tipo após a vitória sobre o Cruzeiro por 2 a 0, no último domingo, quando fez um gol e deu um lindo corta-luz para o de Yago Pikachu.

O vídeo era do período em que defendia a Udinese, da Itália. Na legenda, Maxi López se arriscou no português para interagir com os torcedores cruzmaltinos, felizes com o resultado que fez a equipe dar uma leve respirada na tabela do Campeonato Brasileiro:

Liderança com poucas palavras junto aos companheiros

Falando um português compreensível, ainda que arranhado, Maxi López tem despertado a admiração de seus companheiros mesmo com poucas palavras. Dedicado aos treinamentos – chegando a realizar exercícios físicos fora do clube também para perder peso – o argentino já adota um papel de liderança, principalmente entre os mais jovens ao transmitir conselhos e passar segurança, como fez no vestiário com o jovem volante Bruno Ritter, de apenas 19 anos, que estreava entre os profissionais no último domingo.

"O Maxi fica na dele, calado. Às vezes brinca, mas é um cara mais fechado. Nos treinamentos cobra todo mundo, mas é um cara fechado. Sabemos da qualidade dele. Se olhar o currículo...", elogiou o zagueiro Werley.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br Maxi López (centro) pode fazer sua estreia pelo Vasco
Maxi López (centro) pode fazer sua estreia pelo Vasco

Fonte: UOL Esporte