As metas de Morais - planos para 2007

09/12/2006 às 12h11 - FUTEBOL

O meio-campo Morais foi a maior revelação do Vasco nesta temporada. Tanto que no mês de agosto foi convocado para a Seleção Brasileira, por Dunga, pela primeira vez na carreira. Porém, nas últimas partidas, o atleta não se destacou e se tornou alvo de várias críticas. Para 2007, Morais quer permanecer no clube que o revelou e mais uma vez ser artilheiro do time. Isso se não vier uma boa proposta da Europa.

“A prioridade é continuar. O trabalho que fizemos este ano já foi bom, mas ano que vem deve ser melhor. Principalmente com o entrosamento da base que deverá ser mantida. Mas é claro que se tiver uma proposta que interesse a mim e ao clube, eu posso sair tranquilamente”, afirmou o jogador, que foi sondado por clubes da Rússia e do Japão.

Sobre esse período de turbulência que tem enfrentado nos últimos tempos, quando a cobrança aumentou e passou a ser mais visado dentro e fora de campo, Morais avisa que até mesmo as críticas o ajudam a se tornar melhor. “A expectativa pelas atuações do jogador quando vai para a Seleção aumenta. A visibilidade fica maior, ficamos mais vulneráveis. Antes eu fazia partidas ruins e era normal, não tinha tanta divulgação. Mas, depois, se você vai mal, há mais cobranças e até mesmo a torcida pede mais. Porém, acima de tudo, acho que a crítica também ajuda, tanto quanto os elogios”.

Morais acredita que a permanência do técnico Renato Gaúcho no clube será melhor para o desenvolvimento de todos, inclusive do próprio treinador. O apoiador aposta na filosofia de que todos devem ajudar-se para que o grupo possa crescer. “Dependo do técnico para ser escalado e o técnico depende do jogador para garantir o emprego dele. É uma troca de favores que, no final, visa a dar tudo certo. Por tudo que aprendemos neste ano, a permanência do Renato é fundamental para podermos ganhar títulos”, elogiou o jogador, que viajou ontem para sua cidade natal, Maceió, atrás de sombra e água fresca para voltar com carga máxima em janeiro.

Fonte: Jornal dos Sports