Atletas do Cruzeiro repercutem vaga do Vasco na Libertadores

23/02/2018 às 08h15 - FUTEBOL

O Vasco quase deixou escapar a vaga que parecia certa para ingressar na chave do Cruzeiro na Libertadores. Vitoriosa sobre o Jorge Wilstermann no confronto de ida por 4 a 0, em São Januário, a equipe carioca foi goleada pelo mesmo placar nessa quarta-feira, em Sucre (BOL), mas avançou graças ao triunfo nos pênaltis, por 3 a 2. Os jogadores celestes, que acompanharam a partida realizada na Bolívia, repercutiram a sofrida classificação do time cruz-maltino e projetaram as dificuldades do Grupo 5, que também tem Racing-ARG e Universidad de Chile.

“Ontem (quarta) tivemos o jogo do Vasco, que decidiu a chave e está muito forte. O jogo de ontem mostrou como a Libertadores é difícil, tem que ter concentração. Teremos muitas pedreiras pela frente. Estamos trabalhando para entrar 100% nas competições”, afirmou o goleiro Rafael. “É difícil falar qual chave está mais acirrada, porque Libertadores só tem time muito bom e preparado. Queremos ser campeões e precisaremos enfrentar grandes equipes. Vamos ter que vencer. Mais do que olhar pelo adversário, precisamos olhar para gente”, acrescentou.

O volante/lateral-direito Lucas Romero, nascido na Argentina, destacou o Racing – adversário do Cruzeiro na próxima terça-feira, às 21h45, em Avellaneda. “Já joguei lá (no estádio El Cilindro, local da partida). É um estádio muito bom. É um time grande, a torcida acompanha muito. Mas eles também sabem que o Cruzeiro é muito grande. Estamos ligados, é o primeiro jogo da Copa Libertadores e vai ser muito importante”, avaliou.

“O grupo está muito difícil. Todos (os times) são parelhos. Esse ano a Libertadores tem só time grande. Precisa estar ligado. A gente se preparou, fez boa pré-temporada. Mas precisamos atenção porque jogo de Libertadores é diferente”, complementou Romero.

Antes do compromisso pela Copa Libertadores, o Cruzeiro tem pela frente o Boa Esporte, pelo Campeonato Mineiro. O duelo, válido pela oitava rodada, está marcado para este sábado, às 16h30, no Mineirão. Já de olho na estreia pelo torneio sul-americano, o técnico Mano Menezes deverá escalar uma equipe completamente modificada, com muitos jogadores reservas. O time que treinou nesta quinta-feira teve Rafael; Nonoca, Dedé, Digão e Marcelo Hermes; Lucas Romero e Bruno Silva; Rafael Sobis, Thiago Neves e Mancuello; Raniel.

Fonte: Superesportes

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario